Vénus em Escorpião

Semi círculo

 

Hoje é Sábado, 5 de Dezembro de 2015, e Vénus entrou em Escorpião. Esta é uma energia relacionada com o que nos motiva mais profundamente, e no estádio actual de desenvolvimento humano, estas motivações são determinadas largamente pelos instintos mais básicos e arcaicos que mantemos, e que no fundo se relacionam com a necessidade de sobrevivência individual e da espécie a que pertencemos. Situamo-nos num tempo histórico em que continuamos a acreditar na necessidade de lutar pelos recursos e pela segurança física. Muitos ainda desconhecemos que esses instintos inconscientes originam padrões emocionais, de comportamento e de crenças que de facto nos moldam a vida, nem sempre da forma mais benéfica. Medos, raivas, rancores, desejo de poder, agressividade ou mesmo violência são subprodutos desta condição de vida escrava dos padrões instintivos.

Marte e Plutão são ambos regentes de Escorpião, e uma quadratura tem vindo a aproximar-se; Marte em Balança pode vincar excessivamente o impulso do “eu” que quer afirmar-se, que quer impor, talvez até para não ser subjugado; Plutão em Capricórnio, implica transformações tão radicais que podem assustar, e originar reacções de defesa que visam preservar as estruturas conhecidas, porque a elas se associa um sentido de segurança. Como se não bastasse Marte em oposição a Urano exacerba o desejo de libertação individual e podemos agir sem pensar, impulsivamente, numa ânsia de nos sentirmos fora do alcance do que nos retira a segurança. Se são os instintos a conduzir estas tensões o resultado pode não ser bonito. E aqui Vénus assume um papel, se não acabando de vez com conflitos, pelo menos colocando água na fervura. A função de Vénus é harmonizar, pacificar, facilitar as relações, acrescentar valor; e enquanto transitar por Escorpião as motivações mais primitivas poderão ser transformadas à luz de valores mais sofisticados. Marte e Plutão como regentes do signo, beneficiarão do que acontecer em Escorpião durante a estadia de Vénus, a começar pela quadratura que poderá ser uma força de mudança equilibrada e não uma força bruta.

Vénus conta com duas ajudas importantes. Plutão liga-se a ela por um quintil, aspecto astrológico ao qual está associado uma força de especialização, alguma coisa única num estágio de desenvolvimento especial, criatividade. Se Plutão procura transformação, Vénus procura relação e acrescenta valor; então, entre estes dois, está simbolizado para hoje e amanhã alguma transformação, com um dom criativo, que directamente influenciará os relacionamentos. Tudo no Universo está em constante transformação e mutação e o objectivo é sempre crescimento e evolução. Mas para que individualmente possamos beneficiar e participar desta evolução precisamos transformar os nossos valores; precisamos abandonar viver instintivamente e precisamos aprender a viver mais conscientemente. Não é estalar os dedos e acabar com os velhos paradigmas;  vamo-nos transformado, dia a dia, passo a passo. Um dia destes li algures o seguinte: “o mundo não pode ser “concertado” agora. O mundo precisa ser curado. E cura não é um acontecimento é um processo”.

Processo de cura está a acontecer neste momento, directamente ligado a Vénus, através de um trígono a Neptuno em Peixes. Neptuno no próprio signo que rege exerce funções plenamente, funções estas que se relacionam com a dissolução de tudo o que não serve o propósito Universal de crescimento e evolução. Viver de acordo com instintos básicos não serve esse propósito, e Neptuno empresta a sua capacidade de dissolução a Vénus.

Com tudo o que está exposto, é de esperar que em Escorpião possam ficar profundamente estabelecidas transformações que irão contribuir para motivações mais puras, mais sintonizadas com novos valores que permitam uma vida mais feliz, plena e próspera. Não de um dia para o outro, mas dia a dia, passo a passo.

Einstein dizia que Deus não joga aos dados. Pois não, tudo está detalhadamente bem calculado! Amanhã a quadratura de Marte a Plutão termina. Hoje e amanhã a lua em Balança procura equilíbrio; Vénus já põe água na fervura dos instintos mais escorpiónicos, com ajuda do quintil a Plutão e do trígono a Neptuno. E uma quadratura de Marte a Plutão que podia acabar em conflito, pode acabar por ser a cura de muitos relacionamentos!

Quer isto dizer que finalmente vem aí a Paz global? Finalmente vamo-nos relacionar correctamente uns com os outros? Claro que não! Mas um passo em frente é dado, disso não tenho dúvida nenhuma! Que assim seja!

 

 

 

Informações sobre consultas aqui

 

 

Share Button

One thought on “Vénus em Escorpião”

Comments are closed.