Lua nova de Virgem, Setembro de 2018

Lua nova no grau 17 º de Virgem, 9 de Setembro, 19.01h

Com a Lua nova a acontecer em Virgem, reservem-se intenções, dirija-se a vontade consciente para melhorarmos a nossa vida, através de métodos de trabalho e organização, implementação de hábitos mais saudáveis, atenção a detalhes importantes, treino da capacidade de distinguir o que é importante do que não é, disponibilidade para ajudar. Virgem é signo do elemento terra, e com Saturno em Capricórnio (também elemento terra) recentemente em movimento directo, certamente é mesmo na matéria que há muito para fazer. Urano em Touro é novamente uma chamada de atenção para a importância do plano físico, onde os aspectos básicos da existência passam por aproveitarmos todos os nossos recursos, gerindo-os o melhor que pudermos. Setembro é o tradicional “regresso às aulas”, onde sobretudo as famílias com crianças precisam refazer rotinas e horários, gerir o orçamento disponível de maneira a adquirir todo o material escolar… quem tem miudagem sabe bem, quem já passou por isso também! É uma época de reorganizar e fazer contas. O elemento terra predomina, ajuda-nos a manter os pés na terra, as mãos na massa e a cabeça em mil detalhes necessários… Mercúrio está também em Virgem. Este é um cenário que pode ser muito absorvente, com muitas obrigações e responsabilidades, assumidas com felicidade e sentido de realização pelos mais satisfeitos com a vida, ou como um peso pelos mais insatisfeitos. Talvez aqui esteja já implícito uma reflexão importante, que a oposição entre Mercúrio e Neptuno em Peixes sugere; quão longe ou quão perto estamos do que consideramos as condições de vida ideais? Se é certo que a mente e a comunicação estão neste momento ao serviço das rotinas, da produtividade, da eficiência, isso em si não tem que ser o fim a atingir, pelo contrário! De facto o que a oposição sugere é que isso pode ser o meio para atingirmos as condições de vida que idealizamos, sendo que naturalmente para isso precisamos primeiro determinar que condições de vida são essas, que sonhos alimentamos.

Todos temos uma realidade própria, circunstâncias de vida particulares, com aspectos que nos satisfazem, e com outros que já não cumprem nenhum papel gratificante. Saturno em Capricórnio simboliza essa realidade, que não é estática, nunca foi, mas desde finais de 2008 quando Plutão transitou para Capricórnio começou a transformar-se com uma profundidade inédita. Perante esta situação irreversível, a nós resta-nos transformarmo-nos da mesma forma, deixando ir velhas formas de olhar a vida e o mundo. Quando em 2011 Urano entra em Carneiro, uma revolução vai ter que ser feita na maneira como nos afirmamos. Puro bom senso em funcionamento, perante uma realidade/sociedade em transformação, novas formas de estamos na vida precisam acontecer. Agora com Urano em Touro vamos precisar deixar acontecer uma revolução de valores; o que um dia foi importante agora não será mais. O que um dia foi considerado insignificante, hoje talvez se tenha tornado um bem precioso. Esta flexibilidade, tem que ser accionada quando reflectimos naquilo que podemos hoje ambicionar, quando sonhamos com as próximas fronteiras que queremos ultrapassar. É para a superação da realidade actual, que faz todo o sentido sonharmos com a cabeça no céu e os pés na terra… as mãos também dá jeito… , fazermos planos, organizarmo-nos, trabalharmos, estudarmos, cuidar da saúde porque ninguém quer chegar aos sonhos doente! Uma coisa é certa, um quintil de Saturno a Neptuno simboliza um momento propício a que alguns obstáculos aos nossos sonhos desapareçam. Pode apenas ser um detalhe ínfimo, mas com poder suficiente para no tempo certo fazer mover montanhas. Pode por exemplo ser apenas uma de consciência de que não se está satisfeito com o rumo que a vida leva, e assumir que se quer mudar! E começar a agir, a ponderar escolhas, decisões, a procurar ideias, novas vias, novos rumos, e de momento, volto a frisar, usando de lógica e racionalidade q.b. Outra coisa a manter em mente é o seguinte: se o objectivo é mudar, então não faz sentido escolher as acções habituais e tradicionais. Marte vai entrar em Aquário já no dia 11, pede inovação nas acções e na maneira como nos afirmamos. Se a nossa tradição continuar como sempre foi, não resulta, como é natural!

A Lua nova faz sextil a Júpiter em Escorpião e trígono a Plutão em Capricórnio. Passar por cima de tradições que hoje são ultrapassadas e bloqueadoras da nossa evolução pessoal e colectiva, pode encontrar muitas resistências, nomeadamente porque as associamos a opções que nos garantem a sobrevivência. Escorpião está relacionado com padrões emocionais cuja origem está exactamente na procura de sobrevivência; a passagem de Júpiter neste signo tem sido uma oportunidade para usarmos sabedoria na maneira como transcendemos alguns destes padrões por um lado, e como actualizamos as nossas motivações instintivas já que elas continuam a desempenhar um papel preponderante na nossa existência. Somos animais, seres biológicos que se orientam pelos instintos e emoções; não podemos eliminar este aspecto da nossa natureza humana, mas a tal revolução a fazer nos valores, tem que abranger este sector. Há padrões emocionais que um dia garantiram a sobrevivência, mas hoje colocam-na em risco. O crescimento que possa ter existido naquilo que era o nosso padrão habitual de reacção às circunstâncias, vai estar alinhado com as escolhas do que podemos agora fazer para melhorar a vida diária, e qual pescadinha de rabo na boca, por sua vez sobreviveremos melhor, com mais qualidade, com mais poder pessoal. Como se fosse pouco, o trígono a Plutão em Capricórnio, é o símbolo de como deste forma transformamos toda a nossa realidade.

Símbolo Sabiano da Lua nova: Uma tábua ouija 

Desde sempre a humanidade, tal como todos os animais e plantas, lutou pela sobrevivência; e tal como todos os outros animais… as plantas não sei… usava aquilo que há alguns anos designávamos como sexto sentido, aquele que permitia nos orientarmos com confiança baseando-nos em sensações e impulsos dos quais desconhecíamos a origem. Sem a parafernália de tecnologia em que vivemos actualmente, a conecção à natureza era infinitamente maior, aventuramo-nos mar dentro e descobrimos outras paragens guiando-nos pelos sinais do céu, as horas eram determinadas pelo posicionamento do Sol e por aí fora; os “pressentimentos” cumpriam também o seu papel para quem tivesse uma intuição mais apurada, e se calhar todos tinham. Mas a vida seguiu um rumo tal, que nos fomos afastando cada vem mais desta ligação natural a tudo o que nos rodeia, e agora sim a sobrevivência parece estar em risco. E talvez esteja mesmo para quem se mantiver desconectado da natureza, que o mesmo é dizer da sua própria alma. A tábua ouija é uma ferramenta que permite “falarmos” com o “lado de lá”. Uns dizem que comunicamos com outras entidades, outros dizem que é o nosso inconsciente o responsável pelo funcionamento do dispositivo. O que me parece relevante é que como símbolo desta Lua nova, parece apontar um dedo para o desenvolvimento desta capacidade de ouvirmos o “lado de lá”, sobretudo aquilo que a nossa alma nos vai mostrando como sendo o próximo passo. É claro que para isto temos que aprender e treinar a intuição, a confiar nas sensações e impulsos que nos querem conduzir os passos. Como dizia lá para cima, numa Lua nova de Virgem, melhorar a nossa existência pode estar apenas num detalhe pequenino, pode estar nesta vontade de seguirmos com mais veemência as ideias que surgem sabe-se lá de onde, enquanto fazemos as nossas tarefas de sempre, enquanto caminhamos, enquanto nos dirigimos para o trabalho, enquanto engomamos a roupa… este foi o cenário dum desses momentos em que alguém conhecido subitamente se lembrou que definitivamente quer uma vida diferente! E está a mexer-se para isso! Digamos que leu a mensagem na tábua ouija! A oposição de Mercúrio a Neptuno pode ser uma abertura da mente as estes processos mais intuitivos, reforçada por uma ligação a Plutão que vai acontecer daqui por mais alguns dias, e vai incrementar a capacidade de percepção mental para lá do superficial e aparente. Então, nesta Lua nova de Virgem, abram-se às mensagens vindas das realidades invisíveis e deixem-se guiar por elas … imaginam o quanto a vida pode melhorar?

Imagem veio daqui

Para aprendizagem e consultas ver aqui

 

Share Button