Lua nova de Gémeos, Junho 2019

Lua nova no grau 12º33´ de Gémeos, 3 de Junho, 11.01 h

Símbolo Sabiano: Um grande pianista ao seu piano

Neste novo ciclo que começa estão em destaque a comunicação, a divulgação, a procura de informação, a diversidade, a versatilidade, a relação com o meio onde nos inserimos, a lógica, a racionalidade, a objectividade. Estamos no domínio da mente concreta preparada para responder aos problemas comuns da nossa vida. 

A Lua nova faz oposição a Júpiter em Sagitário, quadratura a Neptuno em Peixes e um biquintil a Saturno em Capricórnio. Esta ligação a Saturno simboliza a existência de condições particularmente criativas entre a nossa realidade e o desenvolvimento da energia da Lua nova. Portanto tudo o que possamos resolver, concretizar ou simplesmente agilizar pela capacidade de comunicação, ou pela facilidade em procurar aquela informação particular que necessitamos, ou porque conseguimos nos adaptar a novas situações ou porque temos habilidade para dar atenção a vários assuntos sem nos dispersarmos negativamente, vai ter um terreno fértil onde deitar raízes. Mas é apenas natural que haja por detrás de tudo isto, a intenção de vermos os nossos sonhos tomar forma. Isso pode estar simbolizado no biquintil a Saturno, alguma coisa a materializar-se. Também pode ser a realidade materializada a impelir-nos na procura de como ultrapassar os aspectos menos positivos, assumindo as características de Gémeos. Por outro lado temos a ligação a Júpiter. Em finais de Novembro de 2018, o Sol fazia conjunção a Júpiter e daí para a frente todos os nossos propósitos deveriam ser no sentido de conseguirmos estabelecer objectivos que nos permitissem caminhar na direcção do estilo de vida com o qual sonhamos, idealmente aquele que está em sintonia com o Grande plano para a nossa vida. Nesta Lua nova vamos ter oportunidade de perceber se chegou a hora de nos sentarmos ao piano e mostrarmos o nosso talento e aquilo para que temos trabalhado. Talento é 1% de inspiração e 99% de transpiração, dizia Thomas Edison. Logo concluiremos se precisamos de mais transpiração ou se o nosso talento deve ser dirigido para outro instrumento, isto também pode acontecer. Às vezes insistimos em determinadas formas de vida que nos parecem apelativas mas que não se ajustam ao caminho que temos para percorrer. 

Mercúrio também está em Gémeos, por enquanto a mente está particularmente conectada com o lado racional, o que ajuda na interpretação objectiva dos resultados que estamos a obter. Curiosamente, quando o biquintil entre o Sol e Saturno terminar, Mercúrio vai entrar em Caranguejo. Mentalmente vamos ficar mais dependentes das emoções, e até lá será bom perceber bem que terreno pisamos, para evitarmos areias movediças. Não temos muito tempo, dia 4 desfaz-se o aspecto entre o Sol e Saturno, Mercúrio entra na casa das emoções. 

Entretanto de Peixes, do mar de energia onde existimos, vai chegar um momento em que somos impulsionados a agir, temos mesmo que seguir numa determinada direcção, provavelmente dirigirmo-nos ao “nosso piano”. Isto acontecerá já depois de Mercúrio entrar em Caranguejo pelo que, mais uma vez, temos que saber com exactidão para onde nos estamos a dirigir. Isto refere-se à altura em que o Sol fizer quadratura exacta a Neptuno em Peixes, mas antes disto, nas horas a seguir à Lua nova, as nossas atitudes habituais podem sinalizar se estamos prontos a entrar em acção focados e não em modo de dispersão de energia e atenção. Quanto mais neutros emocionalmente mais somos capazes de manter o foco e fazer o que tem que ser feito. 

Serviços prestados ver aqui

Imagem veio daqui

 

Share Button