Céu astrológico para Sexta-feira 1 de Fevereiro

Símbolo Sabiano do dia: Um barómetro

A Lua entrou em Capricórnio, faz conjunção a Saturno e sextil a Neptuno em Peixes. Move-nos a necessidade de segurança e de uma forma geral acreditamos que a encontramos nas estruturas existentes no exterior de nós mesmos, na forma como a sociedade está organizada, na família, no mundo das actividades profissionais. A conjunção a Saturno pode reforçar a sensação de que assim é, o que se torna problemático quando olhamos e vemos como há tantas estruturas em desmoronamento, quer na nossa vida privada quer no mundo à nossa volta. Mas a Lua nova em Capricórnio fez conjunção ao nodo sul da Lua e esta postura são notícias de ontem. É certo que há um mundo que vai sucumbindo, mas há outro que vai surgindo, tudo depende para onde olhamos. Ainda ontem o sextil entre Saturno e Neptuno apontava para esta circunstância; há uma realidade que se vai concretizando (Saturno) enquanto Neptuno vai dissolvendo o que não tem mais sentido, o que nos separa, o que nos antagoniza. A forma de enfrentarmos estas mudanças é apontada pelo nodo norte da Lua em Caranguejo, que se refere acima de tudo a segurança emocional. Sim sim, é possível restabelecer a segurança interna, mesmo num mundo de doidos e é essa capacidade que permite dar novas formas ao mundo. Só temos que começar com o nosso próprio mundo pessoal e privado… Caranguejo. Claro que para isto ser possível, também existem estruturas de reacção emocional que precisamos entregar às ondas invisíveis de Peixes, precisamos saber lavar a alma. O sextil a Neptuno é o sabonete… porque que as embalagens de gel de banho são de plástico, e os oceanos precisam ser regenerados de tanto plástico!  🙂

Mas para tudo isto ser possível, posturas, formas tradicionais de afirmação pessoal, acções, precisam ser profundamente transformadas. É mais uma dessas transformações a que hoje estamos sujeitos, indicada pela quadratura de Marte em Carneiro a Plutão em Capricórnio. Uma transformação que deverá dar lugar a uma revolução quando daqui a dias Marte fizer conjunção a Urano. Nada pode ficar como antes, nem ficará! Aliás, essa tem sido a função de Plutão em Capricórnio, transformação do paradigma associado à forma como a humanidade tem existido. Plutão não está só em Capricórnio, está em conjunção ao seu próprio nodo sul, o tal passado de toda a humanidade. Isto implica que o futuro aponta para … Caranguejo! Elementar!

O tema do dia refere-se a um barómetro, instrumento que mede a pressão da atmosfera. O grau de segurança/bem estar emocional que sentimos dá indicação de como aguentamos a pressão de uma realidade em transformação. Consoante as leituras assim as medidas correctivas, ou o prosseguimento das boas práticas que já fazem parte da nossa forma de afirmação pessoal.

Desenvolver auto conhecimento, aprendizagem ou consultas ver aqui

Imagem veio daqui. É um dispositivo da NASA para recolha de informações sobre a atmosfera

Share Button