Céu astrológico para Segunda-feira 26 de Novembro

Símbolo Sabiano do dia: Uma criança aprendendo a andar    

Hoje, Domingo, o Sol fez conjunção a Júpiter em Sagitário – novo ciclo que nos dá a oportunidade de usar a vontade para criarmos outras formas de vida, mais adequadas ao caminho que viemos trilhar. Claro que este pode ser o primeiro passo necessário, saber que caminho é esse, quem somos, de onde viemos para onde vamos; o auto conhecimento é a grande aventura da nossa vida, é a única viagem que nos possibilita atingir o nosso potencial mais elevado. Num ano em que Júpiter vai transitar pelo signo que rege, esta conjunção pode marcar o primeiro dia do resto das nossas vidas, exactamente como no dia em que uma criança dá os seus primeiros passos. Não é certamente uma viagem isenta de tombos, mas… não foi assim que todos aprendemos a andar?

Segunda-feira:

Mercúrio em Sagitário faz quadratura a Marte em Peixes bem cedo pela manhã, a Lua que entretanto segue agora em Caranguejo faz oposição a Plutão.

Cada um à sua maneira, procura sistematicamente melhorar a sua vida, procura outros horizontes, e fá-lo da forma que considera mais correcta e que é ditada por aquilo em que acredita; são as crenças que servem de pilares ao nosso entendimento da Vida, de quem somos, do papel que desempenhamos, daqueles que aspiramos desempenhar, que estão em processo de revisão pela retrogradação de Mercúrio. A quadratura a Marte indica uma força que procura nos impelir para a compreensão que nem tudo conseguimos antever, planear, calcular, preparar, é fundamental aprendermos a agir e a nos afirmar com a consciência de que há uma Inteligência Superior que pode subtilmente nos trocar as voltas, mostrar como é apelativa a direcção X, apesar dos nossos esforços para seguirmos a Y… e confiar nessa Inteligência! Com a Lua em Caranguejo vamos estar mais emotivos e mais “conservadores” na forma de reagir, a tendência é optarmos pelas posturas habituais, algumas das quais são responsáveis por nos mantermos a marcar passo nas mesmas “lutas” de sempre; é preciso encontrar outras estratégias, aprender a andar em frente, transformar a maneira como nos sentimos a nós mesmos.

Auto conhecimento, aprendizagem, consultas ver aqui

Share Button