Céu astrológico para Segunda-feira 22 de Janeiro

céuComeçou mais uma semana, e talvez tenhamos tido dificuldade em acordar, envoltos no nevoeiro da quadratura a Neptuno em Peixes, que começou ontem a aplicar-se. É um “nevoeiro” já em dissipação, mas entretanto outra quadratura a Vénus também em Peixes, tem o potencial para manter um estado de espírito semelhante; podemos nos sentir dispersos, distraídos, sonhadores, também pode acontecer demasiada sensibilidade ou sentimento de carência. Nada que colabore muito com o assumir das tarefas comuns da vida prática do dia-a-dia… a não ser que, usemos aquilo que nos incomoda como incentivo para dissolver as causas de tal transtorno! Durante a tarde vem um trígono a Urano e uma conjunção a Saturno; é a altura de introduzirmos alguma coisa de novo na maneira como reagimos às circunstâncias, pelo mesmo às que mais nos desagradam, porque a verdade é que se fizermos sempre o mesmo, os resultados repetir-se-ão ad eternum! E o que conseguirmos inovar terá uma via de consolidação, quando a conjunção a Saturno acontecer. Talvez algum detalhe já tentado por diversas vezes, possa finalmente ver o sucesso!

Mercúrio atinge o sextil a Neptuno, pensamos e comunicamos inspiradamente; sobretudo se para trás foram dados os passos correctos, podemos estar a dissipar dos nossos conceitos mentais, crenças, ou outras “informações” antiquadas, ultrapassadas e que dificultam os planos que fazemos para alcançarmos os nossos sonhos, o nosso bem estar, a nossa felicidade suprema. A conjunção a Plutão que se vai aproximando (até 29 de Janeiro) aprofunda os processos que ocorrem mentalmente; para descobrir o que há para erradicar é natural vermo-nos confrontados com manias, pensamentos obsessivos, talvez negativos, talvez com ramificações no passado. É a porta para sabermos do que desapegar, e porque estamos em quarto minguante, é mesmo a melhor altura para fazer encolher o que não queremos.

Boa Segunda-feira!

 

Serviços disponíveis aqui

 

 

Share Button