Céu astrológico para Sábado 31 de Agosto

Símbolo Sabiano do dia (nascer do Sol às 7.07 h): As primeiras instruções de dança

A Lua continua em Virgem, junto com o Sol, Mercúrio, Vénus e Marte. Faz trígono a Plutão em Capricórnio. O elemento terra predomina largamente no céu actual, com 8 dos 10 planetas em signos de terra, elemento associado ao feminino e à matéria. Feminino e matéria, dois aspectos da vida tão mal compreendidos, mal vividos e por isso deram origem a uma civilização tão desequilibrada. Dizem os budistas que a única coisa que permanece é a impermanência. Na cultura hindu fala-se da dança de Shiva, eternamente destruindo e criando novas formas… nada permanece, portanto!

“A metáfora da dança é utilizada em várias culturas e épocas para descrever os ciclos naturais da vida e do universo, e acabou encontrando uma de suas expressões mais belas e profundas no hinduísmo, na imagem de Shiva, um dos mais antigos e populares deuses indianos. Segundo o hinduísmo, todas as coisas são parte de um grande processo rítmico de criação e destruição, de morte e renascimento, e a dança de Shiva simboliza esse eterno ritmo de vida e morte que se desdobra em ciclos intermináveis.” O resto podem ler aqui

Ora, cada um de nós pode aprender a dançar a dança de Shiva e o céu do momento é um grande instrutor. Plutão, é o Shiva astrológico, cuja tarefa é destruir lentamente o que está a chegar ao fim. Em Capricórnio, destrói lentamente de forma bem visível, uma certa forma de vida que compreende muito mal, e vive muito mal o feminino e a matéria. Dá a mão à Lua, porque é no nosso plano interno que precisamos destruir conceitos deturpados do feminino e da matéria. Em termos práticos façamos as tarefas desde sempre associadas às mulheres, treinando a consciência do valor especial que têm, são o suporte básico de vida nada menos do que isso. Sejamos mulheres com orgulho por termos sido escolhidas para essa função. Um dia destes li: “Não és especial porque foste escolhido. Foste escolhido porque és especial.”  Se treinarmos a consciência neste sentido, estamos a dançar a dança de Shiva que destrói a civilização que não reconhece a Verdade da Vida. Todos temos sido vítimas, as mulheres, os homens, crianças, a Terra ela própria. Chega!

Imagem veio daqui

Share Button