Céu astrológico para Quarta-feira 24 de Agosto

Mandala 23 de AgostoA Lua em Touro faz trígono a Vénus, a Júpiter e a Mercúrio; o estado de espírito é de perseverança, paciência e procura de bem-estar material enquanto as rotinas habituais absorvem uma boa parte da nossa atenção. A partir do início da tarde, uma quadratura ao Sol é uma fonte de desarmonia, que se por um lado pode transtornar as emoções, por outro pode ser um impulso bem vindo; o elemento terra é predominante nos mapas actuais, a Lua em Touro predispõe-nos a uma certa lentidão, a conjunção de Saturno a Marte retira-lhe “as pressas” e com tudo isto junto, é difícil sentirmo-nos leves e ágeis.

Entretanto o Sol em Virgem, faz quadratura a Marte e a Saturno e oposição a Neptuno. Os propósitos concentram-se no que há para fazer, nas melhorias que a vida nos pede, mas seguir em frente com a vontade faz-se sob tensão, temos desafios a superar nos próximos dias. Os objectivos relacionam-se com estabilidade e segurança, mas a realidade impõe a necessidade de permanentemente encontrarmos formas consistentes e sustentáveis de irmos estruturando o caminho até à meta final, ponderadamente, sem urgências, eliminando ou contornando barreiras que surgem aqui e ali; a oposição dá-nos a certeza que passos em falso não são permitidos, a concretização dos planos passa por uma clara definição do que queremos, com a necessidade também de considerarmos o bem comum universal e com a capacidade de vermos para além das aparências.

Vão ser dias exigentes, em que só a competência pode sair premiada. Júpiter entrou em Virgem há pouco mais de um ano e desde então o nosso crescimento tem sido feito à custa da implementação de rotinas eficazes de trabalho, organização, hábitos saudáveis. O nodo norte em Virgem desde final de 2015 tem apontado como o futuro se constrói desta mesma maneira. Agora chegou um período em que estas aprendizagens vão ser testadas; percebe-se que Vénus só podia estar em Virgem neste momento, sublinhando a importância de tudo isto, e Mercúrio também, a dotar-nos de capacidade de raciocínio discriminativo, pensamento objectivo e pragmático.

E num cenário desta natureza Marte e Saturno atingem a conjunção exacta dando início a um novo ciclo de estruturação na forma como agimos em prol da nossa própria afirmação pessoal, da nossa independência. À semelhança do que acontece numa Lua nova, abrem-se de novo oportunidades para quem escolher agir com maturidade, sentido de responsabilidade e ambição.

Boa Quarta-feira

 

Consultas e análises aqui

Share Button