Céu astrológico para Quarta-feira 22 de Março

céuDurante toda a manhã a Lua em Capricórnio vai fazer quadratura a Urano, e este vai-nos “morder os calcanhares” numa tentativa de nos levar a introduzir novas maneiras de reagir ao mundo do trabalho e das responsabilidades diversas que todos temos; não se trata de não atender às obrigações, trata-se de assumir só aquilo que sentimos nos diz respeito, assumir de outra forma, inovar, fazer tudo à nossa maneira. Há sempre uma sabedoria interior que sabe infinitamente o que é melhor para nós! Estados de irritação, frustração etc. que se possam estar a fazer sentir, são apenas isto, um pedido sincero das forças cósmicas para que não aceitemos o que não se sintoniza connosco. Se atendermos ao pedido ficamos tranquilos o resto do dia, mergulhados em trabalho e responsabilidades até ao nariz, mas de acordo com as nossas próprias regras, sendo nós a nossa autoridade suprema.

Claro que esta é uma atitude mais fácil para uns, mais difícil para outros, mas Mercúrio em Carneiro dá-nos a disposição mental para pensarmos naqueles termos; faz oposição a Júpiter, conjunção a Urano e quadratura a Plutão. Aqueles que podem sentir mais dificuldades em fazer valer os seus pontos de vista, sentirão que as resistências estão relacionadas com dos outros; e como eles existem na nossa realidade teremos que contrabalançar os interesses mútuos, o que aliás é a grande aprendizagem de Júpiter em Balança. Lá vem novamente Urano como o libertador, porque a aliança entre ele e a mente deixa-nos criaturas com mentes geniais, e genialidade dá a volta aos problemas mais intrincados, sejam quando estamos sozinhos ou acompanhados. Quanto a Plutão, pouco dado a leveza mas com talento para ir fundo nas questões, quer uma total metamorfose na nossa realidade; portanto a ligação a Mercúrio dá-nos a nós a capacidade de comunicar e pensar inovando mas dirigindo essa inovação para a criação de uma realidade radicalmente diferente da actual. Aquela que ambicionamos…

Símbolo Sabiano do dia: Um comediante entretém um grupo

Não vivemos uma época particularmente leve e feliz em termos globais, e em muitos casos também pessoalmente. Mas não é com pessimismo que os problemas se resolvem e o dia parece reservar algumas doses de boa disposição apesar de todos os obstáculos que precisemos de ultrapassar. Recorde-se que o Sol, neste novo ciclo anual ainda tão recente, está cheio de força e vigor; ele simboliza a nossa própria vontade de renascer a cada dia e como há a uma conjunção a Vénus retrógrada, há a necessidade talvez de encontrarmos espaço interno para a valorização do humor, da procura consciente daquilo que nos pode devolver o sorriso nos momentos mais pesados.

Sorrir para fingir e esconder que por dentro dói, definitivamente não! Mas sorrir enquanto pensamos que vamos trucidar tudo o que nos rouba a vontade de sorrir genuinamente, siiiimmmm. A imagem veio daqui

Consultas disponíveis aqui

Boa Quarta-feira!

Share Button