Astrologia do dia – Segunda-feira 27 de Janeiro

Símbolo Sabiano do nascer do Sol às 7.52 h: Uma criança nascida de um ovo

A Lua vai entrar em Peixes, faz trígono ao nodo norte em Caranguejo e sextil a Júpiter. Marte em Sagitário faz quadratura a Neptuno em Peixes.

A melhor forma de chegarmos bem longe, à “Terra dos Sonhos”, é por agora, agirmos com parcimónia. Mais vale uma pequena acção sábia e inspirada, do que um dia inteiro a fazer tudo e mais alguma coisa para atingirmos os nossos ideais de vida. É que com a Lua em Peixes a sensação de segurança interna passa muito mais por relaxar, manter a paz e a tranquilidade enquanto os acontecimentos se desenrolam ao seu próprio ritmo, sem nos incomodarmos com o facto de serem como desejaríamos ou não. Nem nos restam muitas alternativas, pois se não abrandarmos o ritmo, esgotamos rapidamente a energia! Claro que isto pressupõe algum treino, uma confiança inabalável na Vida e a consciência clara de que a segurança interna é a grande “magia” que opera o milagre da lenta, mas sustentável criação de uma realidade externa igualmente segura. Como não se trata de um processo automático, tem que ser encarado como um projecto para o futuro. Será o projecto perfeito numa lunação de Aquário!

Para consultas ou Manual de qualidade emocional use o mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem de Jared Rice no Unsplash

Share Button

Astrologia do dia – Sábado 25 de Janeiro

Símbolo Sabiano do nascer do Sol às 7.53 h: Um actor numa peça de mistério

Lua e Mercúrio em Aquário fazem conjunção, e os dois sextil a Marte em Sagitário.

Pensar e sentir de forma livre do que nos tem condicionado, imediatamente nos conduz a agir também com mais liberdade, com inovação e originalidade em relação ao que foi o nosso “normal”. Por sua vez isto abre caminho até aos horizontes definidos pelas nossas crenças conscientes, permite a criação de um estilo de vida que é o tal que nos motiva a seguir em frente. Está tudo dependente de sermos capazes de cortar padrões emocionais/comportamentais cujas raízes estão no passado. Tesouras a postos!

Para consultas ou Manual de qualidade emocional use o mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem de Susanne Jutzeler no Pixabay

Share Button

Lua nova de Aquário, Janeiro 2020

Lua nova no grau 4º21´de Aquário, 24 de Janeiro, 21.41 h

A Lua nova não faz aspectos astrológicos relevantes a outros planetas. É como se a necessidade de nos libertarmos de condicionamentos, de regras e protocolos moribundos, alguns impostos pela sociedade em que vivemos, outros pela família e outros criados por nós mesmos, fosse de tal forma importante que não podemos senão nos concentrar no futuro que queremos criar para nós mesmos. A única forma de criarmos um futuro de facto livre e inovador, com uma melhoria acentuada de qualidade de vida, é focarmo-nos no presente e identificar o que este presente nos faz sentir. Também podemos perceber o que é que do passado ainda vive no presente. Todos os elementos do passado e do presente aos quais associamos algum tipo de negatividade emocional de forma permanente, continuada, vão continuar agarrados como lapas às nossas experiências futuras, e então o futuro reproduz o que sempre foi. Não se trata do verdadeiro “futuro” que todos queremos. Aquário é um signo do elemento ar, é uma energia mental, racional, “fria”, desapegada. Podemos naturalmente expressar estes atributos de forma negativa, mas de forma positiva é o que precisamos para desapegarmos, para nos distanciarmos emocionalmente de tudo o que nos tira a qualidade de vida. Distanciamento emocional, significa que determinada circunstância não causa mais perturbação emocional. O que era problemático, deixou de ser.

É fácil transmitir a informação, difícil é colocar em prática, se sei! Mas talvez à medida que uma realidade concreta se manifeste, longe do que gostaríamos, nos ajude, ou melhor, nos force a tomar medidas. Saturno tem essa função, e por isso tem a alcunha de “Sr. do Karma”; basta olharmos a nossa vida para tomarmos consciência do Karma que nos calha. E se não simpatizamos, vamos ter de começar processos de desapego. Saturno é regente de Aquário, bem como Urano. Por isso dão-nos umas pistas do que há para fazer. Portanto Saturno mostra a realidade com que nos sintonizamos a partir dos padrões emocionais que nos caracterizam. Urano está em Touro; a outra pista aponta para valores, para como alimentamos a auto estima, o que é para nós qualidade de vida material. Se não gostamos do que Saturno nos mostra, vamos de certeza ter que aderir aquilo que Urano em Touro simboliza, uma revolução de valores. Isto significa em grande medida, deixar para trás muito do que ainda consideramos importante.

Símbolo Sabiano: Um concelho de ancestrais

Se pensarmos que é sobre valores que se constroem vidas, sociedades, civilizações, uma revolução de valores irá revolucionar tudo o que conhecemos. O que virá como consequência? O futuro é sempre desconhecido, e o desconhecido só não assusta quem for muito aventureiro! Portanto esta ideia de que podemos estar a valorizar formas de vida em extinção… porque Urano simboliza uma “força” que não vai travar o que tem que ser feito para satisfazer as nossas vontade… pode nos deixar muito desconfortáveis. Mas se as nossas intenções se alinharem com os projectos cósmicos, ou com a forma como a Vida se vai desenrolando, o Universo conspira a nosso favor. Como se um grupo de ancestrais nos estivessem a apoiar, eles que já viveram muitas experiências, já se desapegaram de muita coisa considerada importante, inclusive da vida biológica!

É uma Lua nova de Aquário que nos aguarda. Grandes ou pequenos definitivamente dêem passos no desconhecido, é lá que há um futuro melhor, mais brilhante!

Para consultas ou Manual de qualidade emocional use o mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem de KELLEPICS no Pixabay

 

Share Button

Astrologia do dia – Quinta-feira 23 de Janeiro

Símbolo Sabiano do nascer do Sol às 7.54 h: Um desertor da marinha

A Lua em Capricórnio faz sextil a Neptuno em Peixes, conjunção a Saturno e Plutão. Sol e Mercúrio estão em Aquário.

Mantermos a estabilidade emocional… que é como quem diz a qualidade emocional… quaisquer que sejam as circunstâncias, dá-nos a paz e a serenidade que permite ultrapassarmos os momentos piores sem danos maiores. Simultaneamente, podemos nos aproximar dos nossos sonhos, dos nossos objectivos mais queridos. Há um lado nosso… aquele que está em Aquário… que pensa e quer um futuro mais livre de complicações, de pesos, de insatisfações. Para isso há que fazer diferente, pensar diferente do que tem sido o nosso habitual e depois com muita paciência e muita persistência ensinarmo-nos a sentir diferente do que temos sentido em relação ao cumprimento estrito e rigoroso do que é ainda considerado correcto relativamente à imagem e responsabilidades públicas que todos temos que assumir.

Para consultas ou Manual de qualidade emocional use o mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem de trajaner no Pixabay

Share Button

Astrologia do dia – Quarta-feira 22 de Janeiro

Símbolo Sabiano do nascer do Sol às 7.55 h: Uma tempestade inesperada

A Lua vai entrar em Capricórnio. Faz trígono a Urano em Touro e à medida que o dia decorre vai-se aproximando de uma conjunção a Júpiter e de um sextil a Vénus em Peixes. O Sol em Aquário vai fazer quadratura a Urano em Touro.

Os aspectos indicados preparam um “caldinho” que traz a oportunidade para nos desapegarmos de algum padrão emocional/comportamental que faz parte da nossa tradição individual, mas que a manter-se, agarra-nos a nós a um passado que faz cada vez menos sentido. O Sol está muito futurista, mas a Lua está muito conservadora, muito agarrada às crenças e percepções habituais da imagem pública que devemos manter, de como se consegue segurança material, dos benefícios teoricamente associados ao estatuto social e profissional. Em causa também pode estar a forma como alimentamos a auto estima, como procuramos qualidade de vida. A quadratura do Sol a Urano vai ter um efeito semelhante a outra quadratura que aconteceu no Sábado, de Mercúrio a Urano. Isto é, vai haver um impulso para agirmos de forma inovadora e simultaneamente uma possível tomada de consciência do que nos mantém ainda reféns do passado, melhor, daqueles pedaços de passado dos quais queremos definitivamente distância! O despertador vai tocar… quem vai ouvir?

Para consultas ou Manual de qualidade emocional use o mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem de Alexas_Fotos  no Pixabay

Share Button

Astrologia do dia – Terça-feira 21 de Janeiro

Símbolo Sabiano do nascer do Sol às 7.55h: Uma velha missão de adobe

O Sol entrou em Aquário. A Lua está em Sagitário.

É tempo de olharmos e pensarmos o que queremos para o futuro. “Muda de vida se tu não vives satisfeito” cantava o Variações, larga o passado e cria um novo futuro, canto eu. Há altura melhor para fazer isto do que com o Sol e Mercúrio em Aquário? Talvez quando a Lua também estiver em Aquário… mas isso é só daqui a dias, na Lua nova de Aquário. De qualquer forma podemos observar como se desenrolaram os acontecimentos dos últimos tempos, e assinalar o que não queremos que faça parte desse futuro possível. E uma das ferramentas para banir o que não queremos é optimismo, até porque há circunstâncias que vão exigir tempo para desaparecer e só uma postura positiva nos dá a força e a resiliência para atravessarmos os momentos mais desagradáveis. A Lua amanhã vai ter para nos dar optimismo e entusiasmo suficientes… só temos que introduzir estes atributos na nossa forma habitual de estar na vida.

Adoro a versão dos Humanos daquela canção do AV. Quem quiser relembrar aqui vai: https://www.youtube.com/watch?v=qK-WYZD4Bic

Para consultas ou Manual de qualidade emocional use o mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem de Sandy Millar no Unsplash

Share Button

Astrologia do dia – Sábado 18 de Janeiro

Símbolo Sabiano do nascer do Sol às 7.57 h: Um grande aviário

A Lua segue em Escorpião, faz sextil a Júpiter em Capricórnio e trígono a Neptuno em Peixes. Mercúrio em Aquário faz quadratura a Urano em Touro.

Pode dizer-se de Júpiter em Capricórnio, que a nossa realidade material está a expandir-se, a crescer. Para o que está bem, isto são óptimas notícias. Mas o que não está famoso vai também tomar outras proporções, e isto pode não ser exactamente o melhor dos cenários! Se a uma situação reagimos com perturbação, com algum tipo de insatisfação, estamos a resistir a essa situação, estamos a dizer-lhe “não”, estamos a querer que não faça parte da nossa experiência porque a consideramos negativa, desagradável, algo deste género. Mas com isto apenas estamos a perpetuar a situação porque da Vida recebemos sempre o equivalente ao que sentimos. É preciso parar de reagir automaticamente aos acontecimentos, e em vez disso passarmos a agir com consciência das acções necessárias, com clareza mental. Não é algo que se consiga fazer imediatamente, mas é um processo que precisa ser iniciado. Precisamos “ter mão” nas nossas emoções e com isso conseguiremos fazer crescer o que nos beneficia, reduzir o que nos tira a paz, a felicidade, a satisfação na vida. Alcançarmos os nossos sonhos pode depender inteiramente de assumirmos este objectivo. Sabermos que assim é, pode não ser o suficiente para nos dispormos a mudar atitudes e posturas. Mas a quadratura de Mercúrio a Urano traz um impulso e uma oportunidade de “iluminação”, porque uma quadratura que envolve Mercúrio simboliza um momento de tomadas de consciência, de insights, de fichas a cair. Urano é o relâmpago inesperado que traz a visão que estamos a necessitar para que nada fique como antes, para que possamos definitivamente fazer algum corte com o passado e abrir um futuro mais livre e mais leve.

Para consultas ou Manual de qualidade emocional use o mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem de Leon Contreras no Unsplash

Share Button

Astrologia do dia – Sexta-feira 17 de Janeiro

Símbolo Sabiano do nascer do Sol às 7.58 h: Uma peregrinação de montanha

Mercúrio entrou em Aquário. A Lua em Balança vai fazer quadratura ao Sol em Capricórnio, no final da tarde entra em Escorpião e faz quadratura a Mercúrio.

Vamos entrar em quarto minguante, o ciclo entre a Lua e o Sol, que começou em Capricórnio está na fase final. Atingir objectivos pode requerer muita força de vontade, muita disciplina, uma grande dose de responsabilidade pelos nossos actos, esforço e trabalho. Mas há muito mais em causa. Neste momento temos também que levar em conta a nossa capacidade de nos relacionarmos correctamente, com igualdade de obrigações e direitos, com equilíbrio entre nós e os outros. A entrada da Lua em Escorpião vai enfatizar as relações com maior impacto emocional, aquelas relações em que estamos unidos por laços emocionais mais intensos, onde pode existir partilha de recursos essenciais à existência e ao bem estar de uma forma geral. Há um elemento que eventualmente pode fazer toda a diferença na resolução de dificuldades: é preciso pensar fora da caixa, temos que saltar fora dos nossos padrões mentais e emocionais se queremos um futuro mais promissor. Mercúrio em Aquário simboliza como todos estamos mais abertos a pensar de forma inovadora, mais futurista, mais humanitária também.

Para consultas ou Manual de qualidade emocional use o mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem de Diana Parkhouse no Unsplash

Share Button

Astrologia do dia – Quinta-feira 16 de Janeiro

Símbolo Sabiano do nascer do Sol às 7.58 h: Um espírito da água

A impermanência é a única coisa que permanece, e por isso tudo muda a cada momento. Astrologicamente o trânsito de Plutão por Capricórnio sinaliza como as grandes mudanças que se têm operado “desaguam” na realidade material que os nossos sentidos físicos percepcionam. Assim, nos últimos anos, temos assistido e participado em grandes transformações que estão a mudar as sociedades. Urano, Neptuno e Plutão simbolizam forças exteriores à vontade humana. Forças divinas, cósmicas, como se quiser, e forças poderosas contra as quais nada podemos fazer. Se queremos salvaguardar o nosso bem estar, temos que aderir a essas mudanças que acontecem bem debaixo dos nossos olhos. A magia da astrologia é que nos dá uma perspectiva rigorosa do que está a acontecer e do que devemos fazer para aderir à evolução que acontece como consequência. E temos então o seguinte:

Há poucos dias atrás Saturno fez conjunção a Plutão, encerrando-se um ciclo cujo objectivo era trazer à realidade material transformações na forma como nos relacionamos uns com os outros. Pensem na qualidade das vossas relações agora mesmo, comparem com anos anteriores. A intenção cósmica seria atingirmos a capacidade de estabelecer relações equilibradas. É muito claro que a partir deste patamar será mais fácil criarmos uma vida gratificante, feliz, plena. A Lua está em Balança e vai fazer quadratura a Júpiter, a Saturno e a Plutão em Capricórnio.  Com a Lua em Balança depositamos nos outros a expectativa de poderem ser nossos parceiros na criação de uma realidade que nos beneficie, mas tem que beneficiar todos igualmente. Há condições para agirmos no sentido de estabelecermos elos de ligação positivos uns com os outros, e podemos esperar resultados concretos se equilíbrio e harmonia já fizerem parte do que maioritariamente caracteriza as nossas relações. As experiências, logo nos mostrarão que ajustes podemos ter ainda para efectuar.

Para consultas ou Manual de qualidade emocional use o mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem de Henning Westerkamp no Pixabay

Share Button

Astrologia do dia – Quarta-feira 15 de Janeiro

Símbolo Sabiano do nascer do Sol às 7.58 h: Um negociante de tapetes orientais

A Lua em Virgem faz trígono a Mercúrio em Capricórnio; a meio da tarde entra em Balança. Vénus em Peixes faz sextil a Urano em Touro.

Trabalho, organização e métodos para conseguirmos melhorar e melhorar o nosso dia a dia, dão-nos bem estar emocional e alinham-se com uma mente igualmente focada em obter resultados palpáveis, em atingir as metas a que nos propomos. Com a entrada em Balança, surge uma tendência diferente, mais social, de procura daquilo que nos complementa e equilibra. Os outros desempenham um papel importante, visto que a qualidade das nossas relações reflecte sempre a qualidade do que nos vai por dentro. A realidade exterior espelha de forma simbólica a realidade interior. De todos aqueles com quem já nos cruzámos, no passado e no presente, guardamos experiências gratificantes e outras em sentido diametralmente oposto. Todos já fomos, de uma forma ou outra, vítimas de relacionamentos tóxicos, quer estejamos a falar de relações amorosas, familiares, de trabalho, amigos, conhecidos. Muitas vezes ainda guardamos sentimentos pesados dessas experiências, a “famosa qualidade emocional” é diminuta. Isto corta-nos o caminho para o nosso paraíso terrestre, impede-nos de vivermos felizes e com satisfação plena. Precisamos valorizar o desenvolvimento de posturas que nos permitem ultrapassar essas vivências, precisamos saber colocar uma pedra sobre assuntos dolorosos, perdoar é curarmo-nos das feridas emocionais que carregamos. É ficarmos mais leves, é ganharmos energia para fazermos o que importa. E o que importa, é criarmos a melhor versão da nossa vida que conseguirmos em cada instante, sendo que a versão de amanhã vai suplantar a de hoje… mas isto todos os dias! E quem diria que desta forma estamos a colaborar com Urano, ele que está a revolucionar aquilo que consideramos qualidade de vida. Faz sentido! Num tempo em que tudo está a mudar radicalmente os conceitos de qualidade de vida precisam igualmente mudar!

Para consultas ou Manual de qualidade emocional use o mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem de Pexels no Pixabay

Share Button