Astrologia do dia – Terça-feira 14 de Janeiro

Símbolo Sabiano do nascer do Sol às 7.59h: Uma mulher entrando num convento

A Lua continua em Virgem faz oposição a Neptuno em Peixes, trígono ao Sol, a Saturno e Plutão em Capricórnio. Vénus entrou em Peixes.

Rotinas eficazes e saudáveis, organização, estudo e análise do que está ao nosso alcance para nos melhorarmos e para melhorarmos o nosso dia-a-dia, sem preconceitos relativamente ao estatuto das tarefas em causa, são o lubrificante que mantém a funcionar fluidamente toda a engrenagem que suporta a nossa vida. Num sistema mecânico real, o facto de uma roda dentada girar numa dada direcção, determina a direcção de todas as outras rodas. Por agora a “roda” Virgem rodando na direcção correcta, determina sem margem para dúvidas que o nosso sistema de engrenagens pessoal, funciona fluidamente para trazer à realidade palpável os nossos sonhos. Há uma predominância do elemento terra nos céus astrológicos o que significa uma concentração de energia direccionada à vida prática e material. Porém, a entrada de Vénus em Peixes vem lembrar que nem tudo se consegue pondo “as mãos na massa”. Às vezes isso é o que pesa menos, por incrível que possa parecer! Porque diz-se que há um tempo para tudo, para trabalhar e para descansar, para concretizar e para sonhar, para planear e para deixar acontecer ao ritmo que a Vida entende. Neste processo temos que aprender a confiar, a relaxar, a agir inspiradamente. Temos também que aumentar o conhecimento do que é por “as mãos na massa” em termos espirituais e não apenas materiais.

Para consultas ou Manual de qualidade emocional use o mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem de Pavlofox no Pixabay

Share Button