Céu astrológico para Sábado 1 de Julho

Símbolo Sabiano do dia: Um grande diamante não completamente lapidado

A Lua continua por Balança e… ahhh que bom seria se de todas as relações que estabelecemos com os outros apenas retirássemos paz, equilíbrio e harmonia! Pois, mas não deve ser hoje…. porque ainda há muito trabalho pela frente se queremos ser um diamante perfeitamente lapidado. Estes são os cristais mais duros que existem à face da Terra; imagine-se então o esforço necessário para os transformar de pedras em bruto, em pedras maravilhosamente transparentes e brilhantes! E nós hoje vamos sentir o atrito necessário para nos tornarmos diamantes ainda mais brilhantes… preparados para saber tudo?

Pois a Lua vai terminar a conjunção a Júpiter a meio da manhã, que se iniciou de véspera, e a qualidade das emoções dá pistas relativamente à maior ou menor facilidade do processo. Depois disto o que vai prevalecer são três quadraturas, a Mercúrio, a Marte e a Plutão… nada disto é leve!

Antes de continuar com a Lua, olhar para Vénus em Touro pode ajudar a deslindar um fio da meada. Podemos começar por equacionar que valor nos damos a nós mesmos, até onde nos estimamos, qual a dimensão do nosso amor próprio, que importância damos ao que sabemos e gostamos de fazer. Mercúrio está em sextil a Vénus até 7 de Julho, e estas questões vão surgindo no pensamento, de uma forma ou de outra. Se são temas arrumados dentro de nós, se nos valorizamos e há um mínimo de auto estima, se usamos e abusamos dos nossos talentos e saberes diversos, então as quadraturas referidas irão ser combustível para sentirmos como temos condições de operarmos no sentido de mantermos, ou aumentarmos aquilo que nos pode devolver um sentimento de equilíbrio e harmonia através dos nossos relacionamentos; isto, por sua vez irá contribuir para as grandes transformações a que toda a nossa vida está sujeita. Teremos uma força poderosa para mover montanhas.

Se pelo contrário, ainda não reparámos que tudo o que somos, sabemos e temos é valioso, e por isso desconsideramos, então pode acontecer um dia pesado e desafiador; é possível também mascarar a insegurança, e a sensação de falta de valor próprio (sensação ilusória) por prepotência, o que também não resulta, obviamente! É tão curioso pensar que um diamante é feito de átomos de carbono, o mesmo que está presente no carvão! E mais curioso é pensar que são as enormes tensões a que está sujeito que o transformam! Em nós, tensões equivalentes, vêm de Plutão, presente nos aspectos referidos.

O final de Sábado vem com um sextil da Lua a Saturno; as experiências do dia vão contribuir para a construção de uma realidade em sintonia com a nossa verdade, consciente e inconsciente. Vale a pena observar bem como nos estamos a lapidar. Se a percepção for a de que estamos ainda muito em bruto, então há um aspecto que vem ajudar; é uma quadratura de Mercúrio a Urano, (até 5 de Julho) que pretende estoirar com ideias/pensamentos/crenças primitivas, em desuso, abrir espaço mental para outras formas de compreender a vida, quem somos, o que aqui fazemos e com podemos melhorar a nossa experiência na Terra.

Disponíveis consultas de carácter geral, vocacional, de aconselhamento parental, revolução solar. Grupo de aprendizagem para auto conhecimento em breve. Mais informações pelo mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem veio daqui

Bom Sábado!

 

Share Button

Céu astrológico para Sexta-feira 30 de Junho

A Lua é agora uma recém chegada a Balança. Uma parte importante da nossa sensação de bem estar e segurança liga-se à existência de plenitude através dos relacionamentos que estabelecemos com outros. Durante todo o dia aproxima-se a quadratura ao Sol que marca a entrada em quarto crescente. O Sol está em Caranguejo, pelo que, deverá ser a nossa relação com a casa, a família ou o nosso passado aquilo que é realçado. A tensão existente neste aspecto, indica que, ou há insatisfação e a necessidade de encontrar soluções, ou há simplesmente energia para agir no sentido de objectivos estipulados. Com a noite vem uma conjunção a Júpiter, as emoções crescem, na melhor das hipóteses cresce também uma sensação de optimismo; ou sentimos que está tudo bem, ou sentimos que não está, mas vai estando pouco a pouco. Há outros elementos astrológicos que indicam como todos estamos com assuntos relacionais para resolver; e claro, alguns podem ser mais difíceis e fica menos espaço para optimismos. Mas também nada se consegue solucionar se nos mantivermos agarrados ao lado negro das situações, pelo que mais vale optar por “a melhor das hipóteses”…

Símbolo Sabiano do dia: Uma jovem nua na água, procurando alcançar um peixe

Quem determina o símbolo do dia é o Sol que está em Caranguejo, acompanhado por Mercúrio (mente) e Marte (acção). Caranguejo é de facto uma energia do elemento água, de emoção, de inconsciente e também é símbolo do nosso passado. Assim, nus, sem protecção, iremos fazer uma incursão ao nosso interior, talvez a memórias do passado, e vamos eventualmente pescar alguma coisa; as quadraturas são ocasiões em que se abre uma possibilidade de tomarmos consciência de algo esquecido algures, elementos que vagueiam pelo no inconsciente, precisamente. A quadratura do Sol à Lua pode trazer uma emoção ligada a uma experiência antiga (o peixe…); se tivermos habilidade não ficamos de mãos vazias. Veremos!

Disponíveis consultas de carácter geral, vocacional, de aconselhamento parental, revolução solar. Grupo de aprendizagem para auto conhecimento em breve. Mais informações pelo mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem veio daqui

Boa Sexta-feira!

Share Button

Céu astrológico para Quinta-feira 29 de Junho

A Lua continua em Virgem, e nós continuamos a ser solicitados para melhorar e ordenar a vida, torná-la produtiva e eficaz, saudável; fazer isto é criar condições para um bem estar duradouro, e entretanto o final do trígono a Plutão que se iniciou na véspera, implica que estamos também a implementar importantes transformações na nossa realidade. Há outro trígono a Vénus e uma quadratura a Saturno; o impulso natural de Virgem para “pôr mãos à obra” acaba por ser uma forma de nos sentirmos valorizados, a auto estima sai afinada, talvez possamos dar uso a alguns dos nossos talentos ou tomar atitudes que são importantes para nós. A ligação a Saturno é um pau de dois bicos, porque podemos apesar de tudo sentir um certo abatimento perante dificuldades aparentemente difíceis de ultrapassar, mas também podemos sentir a energia necessária para assumir responsabilidades e fazer o que tem que ser feito. Se mantivermos o estado de espírito focado no melhoramento da praticabilidade do nosso dia-a-dia, aproveitamos a tensão que sai da quadratura ao máximo.

Mercúrio em Caranguejo faz oposição exacta a Plutão em Capricórnio. Assuntos relacionados com a segurança emocional e material, pessoal e familiar, dependem da transformação da nossa realidade actual; os pensamentos conduzem-nos para estas temáticas e simultaneamente ganhamos uma perspicácia e capacidade de compreender a fundo o que temos para alterar, quer em termos mais imediatos quer a longo prazo.

O Sol em Caranguejo tem estado a aproximar-se de uma conjunção a Marte (até 25 de Julho) que também está em Caranguejo, e agora seguem-se uma quadratura a Júpiter (até 6 de Julho) e um trígono a Neptuno (até 6 de Julho). Os propósitos que têm como objectivo a vida privada e familiar, contam com uma boa dose de energia mas podem haver desafios a ultrapassar nos relacionamentos; Neptuno inspira e ajuda a dissolver atritos, somos levados a usar a criatividade e a vitalidade para conseguirmos, não a perfeição mas a compreensão que todos fazemos o melhor que sabemos, todos temos os nossos próprios desafios pessoais e o mais acertado é perdoarmos as falhas dos outros e as nossas. Perdoar é basicamente olhar o que consideramos errado, reconhecer que podemos estar feridos, mas pretender seguir sem ficarmos apegados à dor; são as emoções que nos prendem, e enquanto as alimentarmos elas continuam, e mantêm as feridas abertas. Ter a capacidade de “cortar” o fluxo emocional liberta-nos; não é reprimir, é deixar sair o que sentimos e não insistir em “querer” sentir o mesmo.

Símbolo Sabiano do dia: Coelhos vestidos numa parada       

Há uma “atmosfera astrológica” geral que nos pode fazer sentir tão frágeis quanto coelhinhos, talvez nalguns casos até um pouco assustados! Talvez preferíssemos ficar refugiados na toca (família e timidez são duas simbologias associadas ao coelho), mas a vida e os afazeres habituais não podem parar, e resta-nos usar as roupagens sociais e marcar presença na arena pública ocupando o nosso lugar. No entanto talvez nos sintamos desfasados, desconectados entre as emoções e as aparências. 

Imagens vieram daqui e daqui

São disponibilizadas consultas de carácter geral, vocacional, de aconselhamento parental, revolução solar. Mais informações pelo mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Boa Quinta-feira!

Share Button

Céu astrológico para Quarta-feira 28 de Junho

A Lua agora está em Virgem e a proposta é: aperfeiçoarmo-nos um pouco mais através das rotinas habituais, melhorando a capacidade de organização, estudo, atenção aos detalhes e a hábitos saudáveis. Se assim for, o sextil ao Sol dá-nos criatividade e vitalidade para conseguirmos levar em frente os objectivos. No fundo, todos temos sonhos e ideais que queremos atingir mas eles precisam ser construídos, planeados, é preciso método para atendermos à vida do dia-a-dia enquanto nos vamos dedicando a outros planos menos imediatos; entretanto uma oposição a Neptuno convida-nos a avaliar em que ponto estaremos da concretização desses planos. Não se aceitem desapontamentos se tudo ainda parecer muito longínquo, porque na verdade nós medimos o tempo em escalas diminutas se comparadas com as escalas do Universo; tudo chega no tempo certo se as acções forem as correctas. É só isto que precisamos observar, se estamos a planear e a fazer escolhas objectivamente viáveis. No final da tarde chegam um sextil a Mercúrio e um trígono a Plutão; mente e emoções estão em estreita ligação, e conseguimos por exemplo comunicar com facilidade o que sentimos em relação a determinado assunto. Com o fim do dia, a ligação a Plutão permite mudanças, pequenas transformações na forma como encaramos e reagimos às circunstâncias; o que percebemos que está a ser transformado deve ser permitido. Não temos poder, nem faria sentido, contrariar as forças que nos impelem a evoluir.

Mercúrio vai atingir a conjunção a Marte e o trígono a Neptuno; a ligação a Marte implica agitação mental, nervosismo, mas às situações que nos provocam tais sensações devemos agradecer, pois mostram que ideias/conceitos estão a ocupar espaço. Neptuno está aí, inspirando-nos, oferecendo-se para levar embora aquilo que não serve mais; o truque está em compreendermos nós mesmos a raiz do que nos incomoda, deixar ir, deixando de colocar atenção e energia, fazendo outras escolhas, tomando outras atitudes… literalmente cortar o mal pela raiz.

Símbolo Sabiano do dia: Duas fadas ao luar

O dia tem um potencial para limparmos a mente, acabámos de constatar. Com a mente mais limpa e leve, é natural que consigamos ver a magia que há na vida. Mas para além destas imagens bonitas e idílicas há uma verdade incontornável, a de que, à medida que arrasamos com crenças que nos prendem a formas antigas de realidade, uma outra começa a surgir, mais subtil onde somos guiados não pelas regras exteriores mas pela nossa própria voz interior.

Imagem veio daqui

São disponibilizadas consultas de carácter geral, vocacional, de aconselhamento parental, revolução solar. Mais informações pelo mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Boa Quarta-feira!

Share Button

Céu astrológico para Terça-feira 27 de Junho

A Lua continua em Leão, e termina a quadratura a Vénus a meio da manhã; alguma insatisfação, a sensação de que falta alguma coisa importante, emoções “enevoadas” podem ser o impulso para tomarmos atitudes de correcção. Como há um trígono a Saturno e outro a Urano é seguro dizer-se que estamos a dar passos que estruturam a nossa vida de formas diferentes e inovadoras, sendo apenas sensato prestar atenção ao que estamos nós a concretizar, usando como referência o que sentimos; se nos sentimos determinados, confiantes e se obedecemos sobretudo à nossa própria autoridade interior, estaremos no bom caminho. A conjunção ao nodo norte em Leão reforça esta certeza.

Há uma quadratura de Mercúrio em Caranguejo a Júpiter em Balança que vai terminar; significa isto que há bastantes pensamentos que giram à volta dos nossos relacionamentos familiares, por um motivo ou por outro. O culminar da quadratura é uma oportunidade para tomarmos consciência de algo importante, bastando estar atentos ao que surge espontaneamente pelos pensamentos, ou até pela comunicação com os outros.

Vénus em Touro faz um aspecto tenso a Saturno (até dia 29); o que consideramos importante, a nossa própria auto valorização, a qualidade de vida de uma maneira geral parecem estar comprometidas por limitações e obstáculos. Porém, podemos estar mais próximo do que julgamos; o que é necessário, é de facto ajustar a nossa percepção pessoal, interna, procurar “ver” para lá no nosso nariz. Onde há Saturno não há pressa de chegar a lado nenhum, há pelo contrário a imperiosa necessidade de saber esperar, saber ter paciência pelo momento e lugar certos.

Símbolo Sabiano do dia: Pássaros de caça revestem o ninho com penas

Realce dos assuntos pessoais e da família. Não há dúvida que uma ave objecto de interesse de caçadores está bem mais segura tratando do ninho! Nós não somos aves, apesar de às vezes nos sentirmos “caçados” talvez pelo sistema de vida que temos. De acordo com o símbolo, hoje, manter o foco em nós mesmo e/ou na nossa família pode ser uma mais valia, até pela possibilidade de activar a Vénus em Touro do aspecto anterior, de maneira a forçar o derrube de dificuldades. Vale lembrar que estamos num ciclo lunar de Caranguejo onde a vida pessoal deve ser cuidada e acarinhada de maneira especial.

Imagem veio daqui

São disponibilizadas consultas de carácter geral, vocacional, de aconselhamento parental, revolução solar. Mais informações pelo mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Boa Terça-feira!

 

Share Button

Céu astrológico para Segunda-feira 26 de Junho

A Lua entrou em Leão e a proposta a seguir é reagirmos às circunstâncias com optimismo, confiança nas nossas capacidades, sair dos “bastidores” e enfrentar a “plateia”, isto é, mostrarmo-nos exactamente como somos, expormos o eu interno mais autêntico, aquele que tantas vezes é escondido por medo talvez de não ser reconhecido. Um sextil a Júpiter faz saber que enquanto accionamos a energia de Leão no plano das emoções, estamos a crescer positivamente através dos outros, através dos vários relacionamentos que fazem parte da nossa vida. O final do dia vem com uma quadratura a Vénus, o impulso para valorizarmos a correcta administração dos nossos bens e recursos, externos e internos.

O Sol começou a aproximar-se de uma conjunção a Marte (até 25 de Julho); dificilmente vamos querer estar parados, pelo contrário, o impulso é para agirmos, criatividade e energia fundem-se e devem ser dirigidos para cuidar com especial interesse da família, da casa e acima de tudo da nossa casa interna, porque é quando internamente estamos arrumados, organizados e seguros que o exterior se torna igualmente arrumado, organizado e seguro.

Símbolo Sabiano do dia: Um carro abalroado por um comboio

Não parece ser um dia leve; os aspectos tensos de Plutão a Mercúrio, Marte e a Júpiter não são inocentes. Há grandes transformações na nossa realidade, e porque Plutão está retrógrado, elas passam actualmente por transformações igualmente poderosas internamente. As tensões são muitas vezes as forças que nos impelem à evolução; sem elas, a estagnação seria uma certeza, porque de facto quem vai alterar seja o que for quando tudo está agradavelmente tranquilo? Alguma coisa em nós vai sofrer um embate, e as pistas estão em Mercúrio e Marte, planetas pessoais; uma ideia, um conceito que é derrubado e obriga a agir de forma diferente pode bem ser o que está em causa. O quincúncio de Júpiter a Neptuno também aponta para elementos a serem removidos da forma como nos relacionamos com os outros, o que reforça a possibilidade.

Estas são algumas ilações possíveis a partir das configurações astrológicas actuais. Personalizá-las, abre novas perspectivas pessoais. Para isso há consultas disponíveis e brevemente possibilidade de aprendizagem; veja aqui

Imagem veio daqui

Boa Segunda-feira!

 

Share Button

Céu astrológico para Domingo 25 de Junho

A Lua vai ainda continuar em Caranguejo e faz quadratura a Urano; a proposta vai para acarinharmos e cuidarmos da casa, da família, sem nos esquecermos de nós de modo nenhum! Em alguns casos, até é mesmo por aí que devemos começar; independentemente das prioridades, a tendência é a de tomarmos as mesmas atitudes de sempre, mas a ligação a Urano vai agitar o marasmo e tentar introduzir alguma coisa de novo.

A atenção à vida familiar sai bastante reforçada com Lua, Sol, Mercúrio e Marte em Caranguejo; no signo oposto porém, há um peso pesado, Plutão que se opõe a Marte e agora também a Mercúrio. Podemos nos sentir divididos entre a vida privada e a vida na esfera pública, mas não resta solução senão encontrar equilíbrios. A verdade é que toda a nossa realidade está em transformação tão abrangente, que todos os sectores são igualmente tocados por estas alterações. Acerca destas duas oposições, podemos reflectir e observar o que tem mudado na forma como pensamos o mundo e a vida, como comunicamos com os outros, e que acções tomámos para ultrapassar as dificuldades. Júpiter em Balança faz quadratura a Plutão; a realidade em transformação afecta também os relacionamentos, naturalmente, e para atingirmos relações gratificantes, novas formas de pensar, de comunicar e de agir são obrigatórias.

Símbolo Sabiano do dia: Um gato argumentando com um rato

Pontos de vista antagónicos, em que uma das partes parece mais vulnerável. É possível “ver” esta imagem nos dois pólos, vida privada/vida pública, mas também podemos nos envolver em argumentações com alguém em particular. Neste caso, não será demasiado estranho nos envolvermos em conversas “acaloradas”, já que Mercúrio faz conjunção a Marte… e como estão ambos em oposição a Plutão a temperatura pode ser mesmo elevada. No entanto, Marte faz trígono exacto a Neptuno, e é possível deixarmos que a paz e a concórdia prevaleçam, apesar de pontos de vista e interesses contraditórios.

Estas são algumas ilações possíveis a partir das configurações astrológicas actuais. Personalizá-las, abre novas perspectivas pessoais. Para isso há consultas disponíveis e brevemente possibilidade de aprendizagem; veja aqui

Bom Domingo!

 

Share Button

Lua nova de Caranguejo, Junho 2017

Lua nova no grau 2,47 de Caranguejo, 24 de Junho, 3.31 h

Caranguejo é colo, é a casa, a família, o nosso passado, as memórias familiares onde os aromas, os sabores e as experiências da infância parecem estar ainda vivos. E é natural que estas memórias surjam profusamente, sobretudo algumas horas antes do instante em que Lua e Sol se encontram, uma vez que a Lua vai estar em conjunção a Mercúrio, também em Caranguejo, e portanto a mente literalmente mergulhada nestes temas da família e do passado. O que é bom, sobretudo para melhor podermos entender a nossa história, quiçá algum do nosso karma, e a partir da Lua nova podermos fazer as opções certas, largando, compreendendo, perdoando os elementos dolorosos, cuidando e acarinhando o que for amoroso, e o que permitir continuarmos a crescer saudavelmente.

Caranguejo é um signo cardinal, isto é, impele a agir; por seu lado a Lua nova ocorre no primeiro terço do signo (primeiro decanto) o que se relaciona também com acção, nomeadamente ao nível da vida material e o símbolo Sabiano não podia estar em desacordo, naturalmente! É ele:

Um homem enrolado em peles liderando um veado peludo

Que imagem estranha, convenhamos! Mas ela transmite uma ideia, e vamos lá ver o que pode ser. Primeiro não se trata duma agradável e confortável cena doméstica, passada agradavelmente em família; é antes, um ambiente externo, frio, talvez inóspito onde o indivíduo conta consigo para liderar forças não humanas, embora positivas e de suporte. A simbologia do veado está ligada à gentileza, à habilidade de contornar os obstáculos com elegância, à inocência, à sensibilidade e intuição, à magia da regeneração e do contacto com os mistérios da vida. O indivíduo conectado a este animal conta com grande sensibilidade e capacidade de ouvir a voz interna; é como se percorrendo um caminho exterior (porque já vimos que a Lua nova está relacionada com agir no exterior) não perdesse nunca o contacto com o seu próprio interior, que também é Caranguejo. Porque o homem está enrolado em peles, deduz-se que o ambiente em que se move é frio; porém ele está protegido, agasalhado e conta com o veado para o ajudar. No entanto, há um propósito, há a necessidade de conhecimento e sabedoria para poder liderar um animal que não precisa dele para sobreviver; na realidade talvez seja o homem que precisa do veado para chegar são e salvo ao destino!

Se há condições agrestes a vencer e ajuda também, haverá no mapa aspectos astrológicos que as assinalam. Para simplificar vou considerar as quadraturas como as condições agrestes e as ligações a Neptuno como a ajuda do céu…. ou do veado, é como quisermos. Começo por uma excepção às quadraturas enquanto indicadoras de desafios, e foco-me numa conjunção de Mercúrio a Marte, ambos em Caranguejo; os nossos pensamentos giram bastante à volta dos temas familiares, também dos temas ligados à família de origem, às raízes e com Marte envolvido, uma agitação e um nervosismo fazem-se presentes. Desagradável eventualmente, sobretudo se houverem memórias “frias e inóspitas”; mas útil porque a confrontação com o que nos faz mal é a forma de trabalharmos no sentido de ultrapassarmos, superarmos as dificuldades. E como só um desafio poderia ser pouco, temos um segundo (brincar um bocadinho com as coisas sérias sempre atenua o lado mais antipático, certo?)! Mercúrio faz quadratura a Júpiter em Balança; relacionamentos envolvidos, como Mercúrio está em Caranguejo, relacionamentos familiares, pensamentos em quantidade… porque com Júpiter é tudo à grande e à francesa… e o bem estar pode sair beliscado. Mas Júpiter em Balança está a fazer-nos crescer e amadurecer através precisamente das nossas relações, familiares incluídas.

Há quem tenha estratégias para descartar os assuntos da família, até porque quando a família não serve de suporte, temos os amigos, os vizinhos, os colegas; se for o caso, pode começar a preparar-se para refazer planos. Júpiter está também em quadratura a Plutão em Capricórnio; toda a nossa vida, toda a nossa realidade física está em transformações profundas, e tudo se passa para lá dos nossos desejos e da nossa capacidade de controlo. Assim, o que tiver que ser reformulado pela Vida será mesmo, e terá que passar necessariamente pelas nossas relações com os outros… todos, família também. Há de facto situações em que o corte de relações é irrevogável, mas o que está em causa não é fazermos as pazes e ficarmos unidos para sempre. O que houver a fazer, a curar, a resolver, a perdoar, é pessoal e interno. Caranguejo é acima de mais nada a nossa casa interior, o nosso plano emocional, e mesmo que hajam acções externas a serem efectuadas, elas primeiramente precisam ser organizadas e arrumadas internamente. Na verdade é internamente que as condições agrestes devem ser enfrentadas… mas também sabemos que contamos com a gentileza e a sensibilidade do veado para nos acompanhar.

Marte em Caranguejo “empurra-nos” para onde temos que estar neste momento, em casa e em família, quanto mais não seja em pensamento (a tal conjunção a Mercúrio…). Também faz quadratura a Júpiter, e se houver lugar a zanga e mesmo raiva, será com o toque de Júpiter… nada de coisinhas pequenas… zanga e raiva? E porque não fúria? Quem sabe desejos de vingança? Ahhhh porque Plutão apresentou-se ao serviço e faz oposição a Marte… que dupla destrutiva! Eu agradeço muito, aos Céus e à Terra, aos Deuses todos e mais alguns por não viver tais emoções… mas que elas existem por aí existem, e não são para serem reprimidas e engolidas. São para serem observadas, compreendidas e a energia que a elas está associada tem que sair. Como já foi referido, Caranguejo está relacionado com a família de origem e nem todos os pais e mães foram carinhosos e cuidadores; como terão sido os seus próprios pais? Eu já vi de perto situações semelhantes e também não tive pais modelos, também não sou perfeita como mãe, não escolhi o pai perfeito para o meu filho…. compreender e perdoar os outros e nós mesmos é a saída. Quanto às zangas e fúrias elas precisam sair sob a forma de acção, a energia precisa ser extravasada. Como? Há técnicas saudáveis como uns bons socos nas almofadas, atirar bolas a uma parede e como conversava com alguém um destes dias uns valentes pontapés em caixas de cartão também fazem milagres (o diálogo das caixas acabou numa risota que só visto)! Este aspecto de Marte a Plutão vai terminar já no início de Julho, mas a quadratura de Júpiter a Plutão vai estender-se até Agosto… portanto temos que saber lidar com as frustrações e dores que pode acarretar. E sem contar com outros desafios que irão surgir pelas esquinas astrológicas do dia-a-dia!

Vénus está em Touro, lembra-nos da importância da beleza, da abundância e do amor próprio; é quando irradiamos tudo aquilo, que o exterior nos devolve exactamente o mesmo. Como facilmente se compreende, sem relações resolvidas, não vamos conseguir viver à altura do que tanto ansiamos. E se nos lembrarmos que as experiências do nosso passado enquanto crianças, no seio da família são muitas vezes completamente castradoras de tais características, podemos verificar como para alguns de nós o período que se avizinha pode ser especialmente trabalhoso; para cúmulo, pode acontecer que actualmente as condições familiares também não sejam as mais felizes, mas é fundamental aceitar a tarefa, se queremos viver confortável e seguramente na nossa pele, habitando uma casa interior de sonho! Isto irá implicar que desde já haja transformação de alguns dos nossos valores (Vénus faz trígono exacto a Plutão); com valores reciclados e uma auto estima sólida e consistente, criam-se condições para que o crescimento nas relações aconteça (Vénus faz biquintil a Júpiter).

Para terminar, as boas notícias, a ajuda disponível. Em bom rigor, os desafios são eles mesmos uma ajuda a que possamos andar para a frente, evoluir, crescer. Mas são como um xarope com mau sabor… fazem bem mas sabem mal. Aquilo que temos disponível para atenuar o travo amargo são dois trígonos a Neptuno, um de Mercúrio outro de Marte. Quaisquer que sejam as nossas circunstâncias há um processo de erosão de conceitos antigos, talvez demasiado ligados ao concreto e material, ao visível, ideias que usámos para construirmos uma realidade que ao ser transformada exige pensamento e comunicação mais abrangentes, mais inspirados, mais universais, mais conscientes da realidade imaterial de toda a existência. Somos convidados a agir de acordo com ideias e pensamentos universais, de acordo com o que assegura o Bem extensível a todos, independente de quem são ou das acções que tomaram. Neptuno vai fazendo descer partículas de Céu à Terra, mas tem que banir o que possa impedir; há um quincúncio a Júpiter, e novamente todos os relacionamentos são visados, há ajustes a fazer na maneira de nos relacionarmos uns com os outros, há tensão. Cada um de nós tem a tarefa de se trabalhar a si mesmo, arrumar-se internamente, criar um ambiente seguro e confortável bem no centro do seu Ser. Temos Neptuno e um veado peludo para suavizar a empreitada, e temos que partir o mais cedo possível!

Estas são algumas ilações possíveis a partir das configurações astrológicas actuais. Personalizá-las, abre novas perspectivas pessoais. Para isso há consultas disponíveis e brevemente possibilidade de aprendizagem; veja aqui

Imagem veio daqui

Que consigamos avançar mais uns passos nesta lunação!

 

Share Button

Céu astrológico para Quinta-feira 22 de Junho

A Lua transita agora por Gémeos, e o bem estar emocional liga-se às oportunidades de comunicar, estabelecer contactos diversos, circular pelo ambiente que nos envolve, tudo isto como forma de absorvermos novos dados, novas informações. Faz trígono a Júpiter e quadratura a Neptuno; as emoções são bem perceptíveis, intimamente ligadas aos outros e a como funcionam os nossos vários relacionamentos que podem ser pontes para “a outra margem”… seja ela qual for, mas com alguma probabilidade há sonhos que só através de relações totalmente equilibradas são possíveis. A ligação tensa a Neptuno, indica contudo que é possível sentirmo-nos confusos, baralhados, talvez desapontados, desesperados e impotentes perante a imensidão de obstáculos.

Símbolo Sabiano do dia: Um homem suspenso sob um vasto local nas alturas   

Imaginemo-nos numa situação semelhante, que para melhor corresponder a um aspecto tenso a Neptuno, tem no nevoeiro o detalhe imprescindível! Como nos sentiríamos? Com medo ou apenas com a adrenalina elevada pela aventura em que mergulhámos? A função de Neptuno é “desentupir” os canais que nos ligam a tudo o que existe, muito para lá do que possamos conceber. Mas esse muito existe dentro de nós, por incrível que possa parecer, e se calhar nada melhor que nos sentirmos assim, suspensos, sem ver nada, sem perceber nada à nossa volta; resta-nos apenas manter a respiração e aguardar, manter a confiança e acalmar.

Mercúrio vai-se aproximando de uma conjunção a Marte, ambos em Caranguejo; agitação mental … pudera, assim suspensos nas alturas envolvidos na neblina neptuniana! Caranguejo é a casa, a família, mas antes de tudo é a nossa casa interna; novamente a pista para nos focarmos no interno. Talvez perante os desafios do dia, possamos encontrar conforto e apaziguamento precisamente nos espaços mais privados, nas pessoas mais familiares; mas seguramente é dentro de nós mesmos que existe a segurança que pode parecer não existir no exterior… a não ser para os aventureiros encartados!

De referir que Neptuno está retrógrado desde há poucos dias, e quase parado… a designação astrológica é estacionário retrógrado… e isto implica que está a bombar situações muito em conformidade com o símbolo. A teoria diz que quanto mais estivermos longe no nosso caminho mais duro é suportar…. aiii haja coragem!

Estas são algumas ilações possíveis a partir das configurações astrológicas actuais. Personalizá-las, abre novas perspectivas pessoais. Para isso há consultas disponíveis e brevemente possibilidade de aprendizagem; veja aqui

Imagem veio daqui

Boa Quinta-feira!

Share Button

Céu astrológico para Quarta-feira 21 de Junho

O Sol entrou em Caranguejo perto das 5.30 h e com esta transição de signo chegou o Verão; para além disso Sol e Mercúrio fazem conjunção e a criatividade invade em força o pensamento. Caranguejo simboliza a casa e a família, mas também a nação, o país; bem precisamos de criatividade para colocar ordem no caos, nomeadamente no caos territorial… claro que estou a referir-me ao que se passa todos os anos com os incêndios, que este ano assumiu proporções assustadoras, infelizmente! Com Sol em Caranguejo é tempo de atendermos aos nossos assuntos particulares, à família e à nossa casa. Esperemos que os nossos responsáveis tenham “antenas” afinadas, sejam criativos e inteligentes…. Mercúrio de mãos dadas com o Sol dá alguma esperança que assim aconteça!

A Lua continua em Touro e faz quadratura ao nodo norte em Leão e sextil a Quíron; o foco emocional continua na matéria, na necessidade de gerir bens e recursos, cuidar do que temos, e mesmo com dificuldade em encontrar disponibilidade, ou capacidade de sentir confiança nas nossas próprias habilidades temos mesmo que accionar esta energia porque o nodo norte aponta sempre um grande potencial que nos aguarda. E se esta for a opção, de alguma maneira colaboramos para curamos em nós a “ferida” que nos inibe de experimentar como fazemos parte de um Todo, que só pode encontrar paz e harmonia quando todas as partes, emitirem elas mesmas,  essa paz e harmonia.

Marte em Caranguejo vai já em velocidade de cruzeiro a caminho de uma oposição a Plutão em Capricórnio (até 2 de Julho); como tudo é a mesma coisa, os assuntos ligados à segurança e estabilidade familiar, da casa física, da casa interna, até da nação, não podem esquecer as grandes transformações a que toda a nossa realidade está profundamente sujeita. No caso, sendo Caranguejo e Capricórnio signos opostos, são literalmente as duas faces da mesma moeda. De qualquer maneira, há uma espécie de objectivo final que diz respeito à vida pública, às responsabilidades que temos perante a sociedade, podendo por exemplo abranger o sector profissional.

Símbolo Sabiano do dia: Num barco uma bandeira é retirada, outra é desfraldada

Mudanças assinaladas simbolicamente… cada um de nós terá os seus sinais de mudanças que se avizinham.

Estas são algumas ilações possíveis a partir das configurações astrológicas actuais. Personalizá-las, abre novas perspectivas pessoais. Para isso há consultas disponíveis e brevemente possibilidade de aprendizagem; veja aqui

Imagem é do navio escola Sagres

Boa Quarta-feira!

Share Button