Astrologia do dia – Terça-feira 18 de Fevereiro

Símbolo Sabiano do nascer do Sol às 7.29 h: Os campos floridos de Ardath

A Lua vai entrar em Capricórnio a meio da manhã. Fará conjunção a Marte e ao nodo sul, trígono a Urano em Touro.

A necessidade de segurança e estabilidade acentua-se, e estamos a agir nesse sentido. Porém temos que manter o firme propósito de não repetirmos as mesmas escolhas que até hoje não trouxeram os resultados pretendidos. O Sol transita o último grau de Aquário, é urgente mantermos os olhos no futuro, e por isso até pode acontecer sentirmo-nos demasiado presos nas nossas circunstâncias actuais. É que quando nos sentimos presos vamos querer optar pelo contrário, pelo menos à partida! O grande problema vai residir em sermos capazes de fazer escolhas conscientes alinhadas com os novos tempos, enquanto o inconsciente dita apenas aquilo que conhece e considera seguro… porque um dia assim aconteceu. Conscientemente podemos saber que há mudanças a acontecer, que é mais importante a sensação de bem estar interno do que altas performances externas, mas se o inconsciente ditar que segurança é algo que se consegue no exterior, como por exemplo um “bom” emprego ao qual “vendemos” toda a nossa energia, um “bom” casamento, uma conta bancária gordinha, podemos ter um braço de ferro pela frente. E depois quem vence? Urano aparece no elenco do dia, e ele é o grande revolucionário empenhado nos próximos anos em fazer uma revolução de valores. Temos uma civilização cujo foco tem estado no exterior, certo? Para onde vai apontar a revolução ou a inovação de valores? Para dentro, óbvio! A qualidade que queremos ver na nossa vida, tem que começar pela qualidade do que se passa dentro de nós.

Para consultas ou Manual de qualidade emocional use o mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem de Giulia Bertelli no Unsplash

 

Share Button

Astrologia do dia – Segunda-feira 17 de Fevereiro

Símbolo Sabiano do nascer do Sol às 7.31 h: Uma borboleta emergindo do casulo

A Lua em Sagitário fez trígono a Vénus em Carneiro, amanhã vai fazer quadratura a Neptuno em Peixes. Mercúrio em Peixes vai ficar retrógrado. Marte entrou em Capricórnio.

Às vezes não se passa nada de especial, outras vezes acontece muito ao mesmo tempo. É o caso da astrologia no céu actual. Hoje, Domingo, a Lua entrou em Sagitário bem cedo e fez trígono a Vénus em Carneiro. Com alguma probabilidade o optimismo esteve presente nas nossas escolhas, bem como a apetência para fazermos qualquer coisa, para agirmos, não ficarmos quietos e parados. Aqueles de nós que temos assumidamente uma seta apontada para alterarmos o nosso estilo de vida actual, e que nos sentimos de facto em direcção a esse estilo de vida, eventualmente sentimos esse optimismo com muita força. Isto é o que faria sentido num ciclo que começou em Aquário. Ao desapegarmos de padrões emocionais/comportamentais, obviamente uma parte do passado fica para trás, e automaticamente estamos a caminho de outro paradigma de vida. Neste contexto, amanhã a quadratura a Neptuno pode indicar que são os nossos sonhos que ficam mais perto. Se nada disto acontecer, então talvez as primeiras horas do dia sejam de distracção, falta de foco, sono, “síndrome de Segunda-feira”… nem as ideias ajudam porque entretanto Mercúrio em Peixes vai ficar retrógrado! Pois é, vamos poder rever que ideias temos acerca do que é espiritualidade, do que é confiar na Vida, no Universo, em Deus, no campo quântico de todas as possibilidades… pouco importa a designação… talvez do que significa a expressão “somos todos Um” e de como estamos interligados a tudo.

A mente está mergulhada no mar de energia/consciência onde existimos, mas com Marte em Capricórnio as nossas acções concentram-se na realidade material, em consolidar e fazer crescer o que existe de bom, em emendar o que não nos agrada. No entanto, se não levamos em consideração que o que conseguimos concretizar tem uma contra parte espiritual, corremos o risco de não sermos bem sucedidos. Quantas coisas não conseguimos apesar de tentarmos? Quantos objectivos sem sucesso mesmo acreditando que estamos a proceder correctamente? Quantas vezes nos lembramos que a realidade material toma forma em primeiro lugar na realidade imaterial?

Para consultas ou Manual de qualidade emocional use o mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem de Greg Rakozy no Unsplash

 

 

Share Button

Astrologia do dia – Sábado 15 de Fevereiro

Símbolo Sabiano do nascer do Sol às 7.33 h: Um pote de porcelana antigo cheio de violetas (o velho renovado)

A Lua em Escorpião faz sextil a Plutão e a Saturno em Capricórnio, quadratura ao Sol em Aquário.

Não há grandes diferenças entre o clima para Sábado e o da véspera, ou seja sermos capazes de desistir de determinadas formas de reagir aos acontecimentos, pode fazer uma diferença gigante na forma como se vão concretizando as naturais transformações da nossa vida. No entanto, o facto de irmos entrar em quarto minguante dá-nos uma perspectiva do que está em causa. A lunação foi em Aquário, o melhor que podemos alcançar é de facto largarmos lastro, largarmos padrões emocionais que foram criados no passado, talvez como resposta a medos, a preocupações, a expectativas negativas, mas que não fazem agora qualquer sentido. É fácil constatarmos se de facto estamos mais leves, basta perceber que inovações fomos capazes de implementar em alguma área específica. Qualquer tipo de insatisfação aponta para desapegos urgentes. Se já nos desapegámos estamos a caminho de um futuro mais livre.

Para consultas ou Manual de qualidade emocional use o mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem de Mantas Hesthaven no Unsplash

Share Button

Astrologia do dia – Sexta-feira 14 de Fevereiro

Símbolo Sabiano do nascer do Sol às 7.35 h: Um hidrómetro

A Lua vai entrar em Escorpião, faz trígono a Mercúrio e Neptuno em Peixes, sextil a Júpiter em Capricórnio.

Sentimentos e emoções intensificam-se, e o decorrer da vida é profícua em situações que, ou despertam o melhor que há em nós, ou o pior. A mente vai estar alinhada com o sentir, é a melhor condição para mantermos as circunstâncias actuais, qualquer que seja a classificação que lhes atribuímos. Deparamo-nos com alguma coisa que corre bem, dá-nos satisfação. Perfeito! É provável estarmos a melhorar a nossa existência, ou pelo menos a não piorar. Acontece o contrário. Sentimos e pensamos o quê? Somos atacados de mau humor e pensamentos do mesmo tom? Apetece-nos fugir ou enterrar a cabeça na areia, reprimir, porque nem sabemos o que fazer? Não vai trazer grandes resultados e sabemos isso perfeitamente. Mas podemos reparar naquela que é a nossa reacção imediata, aquela atitude que ainda não nos permitiu ultrapassar situações semelhantes, e perceber que essa tentativa de resolução tem que ser alterada. O ouro que jaz em Escorpião é nosso quando paramos de bater nas mesmas teclas desafinadas de sempre! Porque quando escolhemos outras, e outras e outras até acertarmos o tom, fatalmente vamos conseguir tocar uma música diferente, mais harmoniosa. E como a Vida, aquilo que entende é a música que emitimos, dependendo da qualidade do que tocamos, ou ficaremos sempre preteridos ou iremos recebendo vários Grammiesao longo do tempo.

Para consultas ou Manual de qualidade emocional use o mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem de Tadas Mikuckis no Unsplash

Share Button

Astrologia do dia – Quinta-feira 13 de Fevereiro

Símbolo Sabiano do nascer do Sol às 7.36 h: Uma borboleta com a asa direita mais perfeita

A Lua em Balança faz trígono ao Sol em Aquário, quadratura a Plutão e a Saturno em Capricórnio, sextil a Marte em Sagitário. Vénus em Carneiro faz quadratura ao nodo norte em Caranguejo.

A sociabilidade está acentuada, relacionamos-nos com mais facilidade de uma forma geral, mas é natural que os amigos e os grupos com quem partilhamos interesses comuns captem uma boa parte da nossa disponibilidade. Por outro lado todos estamos a procurar concretizar transformações positivas na nossa vida, que naturalmente só pode chegar a bom termo com relações onde todos contribuem e ganham na mesma proporção, onde há mais igualdade e menos hierarquias. É o nosso próprio equilíbrio pessoal, que transparecendo na qualidade dos nossos relacionamentos, nos irá conduzindo “estrada fora” até formas de vida onde a cooperação é mais valiosa do que a competição. O futuro da humanidade está relacionado com Caranguejo (nodo norte de Plutão e Saturno em Caranguejo) e Caranguejo não sabe o que é competir, sabe antes o que é cuidar, o que é empatia, sensibilidade. Por isso a quadratura aplicada entre Vénus e o nodo norte da Lua em Caranguejo mostra a necessidade de actualizarmos a postura que assumimos quando interagimos com os outros. Um por todos e todos por um é uma boa opção!

Para consultas ou Manual de qualidade emocional use o mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem de Tyler Nix no Unsplash

 

Share Button

Astrologia do dia – Quarta-feira 12 de Fevereiro

Símbolo Sabiano do nascer do Sol às 7.37h: Um homem virando as costas às suas paixões e ensinando a partir da sua experiência (abdicando de alguma coisa pessoal e colocando-se ao serviço dos outros)

A Lua vai entrar em Balança, faz oposição a Vénus em Carneiro e quadratura a Júpiter em Capricórnio.

Podemos alimentar a expectativa de que as nossas relações sejam elementos que nos propiciam bem estar. É bom inteargirmos uns com os outros, trocarmos ideias, experiências, apoio, às vezes uma simples conversa “parva” que nos faz rir alivia o peso de preocupações e enfrentamos a nossa vida com outra disposição. Mas se nos demitirmos de sermos capazes de rir sozinhos com as nossas preocupações “parvas”, se não sabemos como lidar com as outras preocupações mais sérias, se não temos disposição e ferramentas para encontrar pelos nossos próprios meios satisfação, boa disposição e outras coisas que não precisam terminar em ão… este foi um momento “parvo”… podemos estar numa autoestrada para o inferno… agora estou a lembrar-me dos AC/DC. Da canção eu gosto, mas da auto estrada na vida real, dispenso! E em grande medida este é um panfleto distribuído por Vénus em Carneiro: sejam autónomos, independentes, auto motivados, cultivem os vossos objectivos e sejam capazes de os por a mexer sem precisarem de palmadinhas nas costas. Querem ver as coisas boas da vossa vida a multiplicarem-se, a crescerem, a tomar proporções avantajadas? Querem que de facto os outros sejam parceiros de jornada? Então, apesar de necessitarmos uns dos outros, não podemos ceder na nossa independência, nem numa postura activa e assertiva esperando ganhar equilíbrio, paz e harmonia nos relacionamentos. A quadratura será um impulso, um bom empurrão para agirmos ao invés de ficarmos à espera que alguém nos dê de bandeja aquilo que queremos ou precisamos de atingir. Entreajuda sim, mas dependência não… nem sempre é fácil estabelecer a fronteira, mas é necessário.

Para consultas ou Manual de qualidade emocional use o mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem de Vonecia Carswell no Unsplash

Share Button

Astrologia do dia – Terça-feira 11 de Fevereiro

Símbolo Sabiano do nascer do Sol às 7.38h: Um grande urso sentado a acenar com as patas

A Lua em Virgem faz quadratura a Marte em Sagitário, trígono a Saturno e a Plutão em Capricórnio.

Continua válido para toda a gente que, através de rotinas saudáveis e de trabalho, da organização das coisas que nos rodeiam, conseguimos igualmente organização emocional e mental. Sentimo-nos melhor e a mente agradece, já que com Mercúrio em Peixes estamos mais sujeitos a pensamentos dispersos, confusos, a sonhos sem pernas para andar e nos casos piores sintonizamos-nos com o lado mais depressivo e infeliz que existe no inconsciente colectivo. Arregaçar as mangas e colocar as mãos na massa pode ser a grande terapia que necessitamos. Ora acontece que quando mente e emoções se concentram num objectivo, se sintonizam no mesmo “comprimento de onda qualitativo” a probabilidade de estarmos a dar forma a alguma coisa aumenta. Mercúrio é regente de Virgem, e se conseguirmos apanhar uma boa onda emocional, os pensamentos são afastados do pior que existe no mar energético onde existimos, aproximamo-nos dos oásis de inspiração que nos podem ir conduzindo para horizontes onde a Vida é mais aprazível. Isto nunca significa que desaparecem os desafios, e pode até ser algum incómodo, alguma insatisfação que desta vez nos motiva a fazer alguma coisa para melhorarmos as opções que fazemos. Ou se calhar a motivação está em simplesmente escolhermos nos superar!

TeresaM

Para consultas ou Manual de qualidade emocional use o mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem de Jamie Street no Unsplash

Share Button

Astrologia do dia – Segunda-feira 10 de Fevereiro

Símbolo Sabiano do nascer do Sol às 7.39 h: Um tapete no chão para as crianças brincarem

A Lua vai entrar em Virgem, e fazer oposição a Mercúrio e Neptuno em Peixes, trígono a Júpiter em Capricórnio. Vénus está em Carneiro onde entrou na Sexta-feira.

Graças aos Deuses do Olimpo temos uma boa ajuda neste início de semana de trabalho! A Lua em Virgem vai dar-nos mais habilidade para retomarmos as nossas rotinas de trabalho, de organização, de hábitos cujo objectivo é melhorarmos a nossa existência. Ao mesmo tempo, estaremos a contribuir para que o papel que desempenhamos no mundo possa conduzir-nos até outros paradigmas de vida eventualmente mais expansivos e prósperos. No entanto não podemos esperar que todos os problemas, todas as dificuldades, se resolvam mesmo quando conseguimos ter todos os detalhes no sítio certo à hora certa. Uma boa parte da resolução dos nossos desafios reside no invisível, no espiritual, no emocional. Fazer tudo certinho com o estado de espírito errado, pode não resultar! No contexto das energias do dia, especial atenção a ideias confusas, a sonhos impraticáveis… pelo menos para já… a sentimentos/emoções de desalento, desesperança, vitimização. Em contrapartida Vénus em Carneiro, é a importância de traçarmos um objectivo e agirmos sem desculpas seja de que género for, para o conseguirmos. Por exemplo, que coisa simples e acessível podemos incluir nas nossas rotinas para melhorarmos o nosso dia a dia a partir de agora?

TeresaM

Para consultas ou Manual de qualidade emocional use o mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem de William Iven no Unsplash

Share Button

Lua cheia de Leão, Fevereiro de 2020

Lua cheia em Leão, Sol em Aquário, graus 20º00´, 9 de Fevereiro, 7.33 h

O ponto de partida para entender a mensagem da Lua cheia é a Lua nova, que neste caso foi em Aquário. Um ponto central de Aquário é libertação do passado, preparação dum futuro sem aquilo que nos limitou, que nos condicionou, muitas vez ao ponto de nos dificultar a evolução e o crescimento para o qual estamos dotados. Todos sem excepção estamos em processos de evolução, mas uns com mais “dores de crescimento” outros mais suavemente. E o que determina uma coisa ou outra, foi, e é, a capacidade de nos desapegarmos emocionalmente das experiências, sobretudo das experiências revestidas de negatividade. Porque o facto observável é como a nossa realidade nos trás periodicamente situações que podendo ser diferentes na aparência, são na essência circunstâncias muito semelhantes às quais  vamos responder com padrões emocionais e comportamentais já nossos conhecidos. E assim, se perpetuam problemas e dificuldades. Isto acontece porque os sentimentos são a linguagem que a Vida entende, e a Vida responde sempre “sim”. Sai de nós frustração nos relacionamentos amorosos, a Vida diz “sim, toma mais “amores frustrados”. Sai de nós um medo XPTO, a Vida diz “sim, aqui estão as condições ideais para teres mais medo”. Emoções são sensações mais pontuais, menos “perigosas”. Sentimentos são permanentes, que constantemente interagem com a Vida. Mas as mesmas emoções muito repetidas apontam para sentimentos dos quais podemos não ter muita consciência. Enquanto não forem trabalhados e neutralizados há padrões a repetir o passado no nosso presente. O futuro será então uma repetição dos problemas conhecidos, a que se vão juntando alguns outros, porque nada disto melhora sem a nossa intervenção, sem nos empenharmos em criar um futuro de maior qualidade. Somos nós os criadores da nossa realidade!

Bem, perante este cenário chegamos à Lua cheia e… há sinais de um futuro bem diferente e melhor do que o passado em algum sector da nossa vida? E como nos sentimos perante as nossas circunstâncias? Com a Lua em Leão o que sentimos é genuíno, está em contacto directo com o nosso Eu interno. Não há frieza emocional, Leão é do elemento fogo, mas seremos capazes de arrefecer ânimos excessivamente “dramáticos” se estiverem a atrapalhar a vontade do Sol aquariano que quer um futuro mais livre de pesos desnecessários? Teremos essa coragem?

O Sol faz sextil a Marte em Sagitário, a Lua faz trígono. Emoções e sentimentos sempre influenciam os nossos objectivos, as nossas vontades, mas neste caso o peso do emocional é bem relevante. Acontece que o Sol como regente de Leão, está como que a absorver directamente o que a Lua “sente” sem margem de manobra para fazer valer a sua vontade. Ou seja, que há um futuro à nossa espera há. Que as nossas acções nos estão a levar para longe do que conhecemos, também. Agora… que vai ser um futuro livre do que nos tem assombrado isso já vai depender inteiramente do quanto sabemos o que fazer das nossas emoções e sentimentos!!

Vai haver já perto do final desta lunação um sextil de Júpiter em Capricórnio a Neptuno em Peixes. A simbologia deste aspecto vai fazer imenso sentido no contexto dos temas de Aquário, mas vou deixar-vos em suspenso até ao dia 20 de Fevereiro… Daqui até lá observem-se e observem como os eventos da vossa vida se vão desenrolando.

TeresaM

Para consultas ou Manual de qualidade emocional use o mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem de NeONBRAND no Unsplash

Share Button

Astrologia do dia – Sexta-feira 7 de Fevereiro

Símbolo Sabiano do nascer do Sol às 7.41 h: Um homem desmascarado

A Lua em Caranguejo vai fazer oposição a Plutão e Saturno em Capricórnio.

A qualidade deste dia vai estar na continuação da véspera, onde tivemos a oportunidade de observar como determinadas situações moldam as nossas emoções, que por sua vez vão acentuar o que estiver em causa, seja por nós considerado bom ou não. Emoções negativas como consequência de algum evento ou circunstância de vida, são naturais e podem ser usadas construtivamente porque pelo menos sinalizam temas que precisam ser aprofundados e entendidos. O que se torna contraproducente é a perpetuação da negatividade, sem irmos à raiz das dificuldades. Plutão tem como função ir ao fundo e intensificar, neste caso o contacto é com a Lua, logo haverá uma intensificação emocional, seja qual for a qualidade do que sentimos. Se sentimentos e emoções não forem brilhantes, corremos o risco de ter um dia estragado a menos que saibamos como “arrefecer o caldeirão”. Recebemos o que damos, mas este é um processo energético/emocional. Um dia não são dias, mas se emitimos permanentemente qualquer género de insatisfação não há como esperar uma vida de qualidade.

Para consultas ou Manual de qualidade emocional use o mail acasanafloresta.astrologia@gmail.com

Imagem de Gerd Altmann no Pixabay

Share Button